Teamfight Tactics

TFT: Colete Espinhoso, Coração Congelado e mais itens chegam em atualização 10.1

Várias mudanças já estão disponíveis no PBE
@_matheusF23
Matheus Oliveira
é reporter no Versus.

Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução

A próxima atualização de Teamfight Tactics (TFT) - modo autobattler de League of Legends (LoL) - recebeu novos itens e mudanças nas peças já existentes. O patch 10.1, primeiro de 2020, trará diversas mudanças que já podem ser conferidas no servidor de testes (PBE).

Leia mais:

Ao todo, três novos itens chegam para substituir a Dançarina Fantasma, Armadura de Espinhos e Arco de Repetição. Outros sofrerão apenas algumas alterações, como a Manopla dos Glacinatas, Mercúrio, Coração Gelado e Centelha Iônica.

Veja abaixo os detalhes:

  • Último Sussurro (Arco Recurvo + Luvas do Pugilista)

O item substituirá o Arco da Repetição. Seu efeito é semelhante ao resultado realizado em LoL, mas em TFT, Último Sussurro reduz 90% da armadura total de uma unidade após acertar com dano crítico.

De acordo com a Riot, Arco da Repetição era o item menos utilizado do conjunto 2 e dava uma falsa sensação de escalonamento, por isso apenas era visto nos elos mais baixos.

  • Colete Espinhoso (Cota de Malha + Cota de Malha)

Substituindo a Armadura de Espinhos e negando todo o dano recebido com acertos críticos, Colete Espinhoso ainda causará dano mágico (80/120/160) às unidades em volta como retaliação.

  • Determinação do Titã (Cota de Malha + Arco Recurvo)

Determinação do Titã substituirá a Dançarina Fantasma. Quando o campeão equipado recebe ou causa dano crítico, o item recebe uma carga de 80 (no máximo). Cada carga aumenta em 1% o dano do campeão.

Quando chegar a 80 cargas, o personagem ganhará um bônus de 25 em Armadura e Resistência Mágica, além de ter seu tamanho aumentado.

  • Manopla dos Glacinatas

A Manopla não criará mais um campo de gelo que reduz velocidade de movimento com esquivas dos personagens, e simplesmente passará a ter o mesmo efeito que possui em League of Legends. Após o campeão equipado soltar um feitiço, o próximo ataque básico congelará o inimigo por 1,5s.

De acordo com a Riot Games, a mudança foi pensada e implementada para diminuir a poluição no campo de batalha, além de evitar muitas prorrogações e até empates.

  • Coração Congelado

Com a mudança brusca na Manopla, a Riot decidiu fortalecer o Coração Congelado para que este possa ser usado para controlar atacantes inimigos. Por isso, a redução da velocidade de ataque dos adversários próximos foi aumentada de 25% para 40%.

  • Centelha Iônica

A Centelha Iônica não causará mais dano verdadeiro ao inimigo - agora, quando a unidade conjurar alguma magia, sofrerá em dano o valor de 200% de sua mana máxima. O efeito terá alcance de três campos.

Além destas novidades, a Riot revelou mudanças também em Faca de Stattik, Medalhão dos Solari de Ferro e Eco de Luden, que tiveram taxa de aparição drasticamente reduzidas, já que são considerados muito fortes. Enquanto isso, a empresa afirmou que estuda a melhor maneira de escalonar o efeito de cada um dos itens.

Procurando guias de TFT? Então veja o vídeo acima com Leo "Leomane" Almeida, que dá cinco dicas para usar com o conjunto 2 de Teamfight Tactics.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Mais notícias
Guia TFT: Melhores composições e sinergias do conjunto 2 de Teamfight Tactics
Teamfight Tactics

Guia TFT: Melhores composições e sinergias do conjunto 2 de Teamfight Tactics

Saiba quais campões e combos priorizar para ficar em 1º nas partidas de A Ascensão dos Elementos
Matheus Oliveira
TFT Mobile será lançado em março com chegada do conjunto 3
Teamfight Tactics

TFT Mobile será lançado em março com chegada do conjunto 3

Novo set de campeões terá personagens com skins Projeto, Guardiã Estelar, Odisseia, Pulsefire e mais
Matheus de Lucca
Guia TFT: Todas as combinações de itens do conjunto 2 de Teamfight Tactics
Teamfight Tactics

Guia TFT: Todas as combinações de itens do conjunto 2 de Teamfight Tactics

Saiba como usar os componentes para formar builds em A Ascensão dos Elementos
Lucas Hagui