Street Fighter

Street Fighter: Como a Arcade Edition pode mudar o competitivo?

Será que a expansão pode transformar o game de luta?
@_matheusF23
Matheus Oliveira
é reporter no Versus.

Durante o campeonato Red Bull Battlegrounds, foi divulgado mais um trailer da expansão de Street Fighter V, a Arcade Edition, que havia sido anunciada em outubro.

A atualização trará novos conteúdos para o game, e entre eles, algumas adições para as mecânicas do chamado V-System, sistema introduzido em Street Fighter V.

No trailer, foram mostradas novas opções de extensões de combos, mixups e novas habilidades. Mas será que tudo isso terá um impacto real no cenário competitivo?

Leia mais:

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Como está Street Fighter agora?

Desde seu lançamento, Street Fighter V sofre com certo descontentamento da comunidade. Demorou um tempo para que os jogadores abraçassem o game novamente, como aconteceu com o Ultra Street Fighter IV.

Grande parte disso tem relação com a radical mudança que SFV apresentou em relação ao seu antecessor, USFIV.

Muitos players não aceitaram a escassez de conteúdo no novo título, enquanto o anterior apresentava opções de customização que davam a cada jogador a oportunidade de criar um estilo único.

A queixa continua até hoje, muitos jogadores e espectadores argumentam que a principal falha do game é que, após um certo tempo, tudo dentro das lutas parece simplesmente se repetir infinitas vezes.

Com a Arcade Edition, tudo pode caminhar em direção a solução destes problemas, já que os novos recursos podem trazer para o game o que estava faltando: mais variedade.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O que está a caminho na Arcade Edition?

Das novidades apresentadas até agora, as que chamam mais atenção para o cenário competitivo são, sem dúvidas, as adições ao V-System, que parecem trazer um pouco do que Ultra Street Fighter IV fez, e podem permitir que os jogadores tenham mais opções com um mesmo personagem no futuro, podendo alterar estratégias e estilos de jogo.

No trailer em questão, foram apresentados novos recursos para Ryu, Ibuki, R. Mika, Ed, M. Bison, Guile, Nash, Birdie, Zeku, Menat e Ken - todos com características únicas e possibilidades inéditas para tais membros do elenco.

Alguns destes atributos podem alterar drasticamente certas mecânicas ou adicionar diferentes possibilidades, como o novo parry de Ryu, que permite imobilização do oponente, ou o tão esperado Shinryuken de Ken, que pode dar uma grande explosão de dano.

Todas estas novidades vão trazer uma nova camada ao nível competitivo do game de luta, com jogadores precisando se preparar para diferentes situações contra um mesmo personagem. Assim, cada pro player lutará como quiser e não dependerá puramente de perfeição na execução, como é hoje.

Será a Arcade Edition o respiro que SFV precisava?

A comunidade de jogos de luta espera muito da atualização de Street Fighter, que chega no começo de janeiro de 2018. Junto com as mudanças no V-System, os trailers mostram também novos movimentos de personagens.

Se isso acontecer, será a primeira vez que a customização vai permitir a alteração da lista de golpes de um lutador - o que com certeza seria uma novidade bem-vinda.

Resta saber se as adições serão realmente impactantes e transformarão o game em algo mais chamativo, não deixando de ser divertido para os jogadores.

Street Fighter V Arcade Edition chega no dia 16 de janeiro de 2018 para PS4 e PC.

Matheus Rodrigues é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @_omanfred.

Tags Relacionadas
Street FighterGuias
Mais notícias
Com a torcida a seu lado, Ricki Ortiz estabeleceu seu lugar no cenário de Street Fighter
Street Fighter

Com a torcida a seu lado, Ricki Ortiz estabeleceu seu lugar no cenário de Street Fighter

Dos fliperamas da Califórnia para o topo dos jogos de luta
Matheus Oliveira
EVO Japão 2020: Os vencedores de Street Fighter 5, Tekken 7, Smash Ultimate e mais
Jogos de Luta

EVO Japão 2020: Os vencedores de Street Fighter 5, Tekken 7, Smash Ultimate e mais

O torneio terminou na madrugada do último domingo (26)
Matheus Oliveira
Street Fighter: Torneio feminino Fight Like a Girl acontece em janeiro em Curitiba
Street Fighter

Street Fighter: Torneio feminino Fight Like a Girl acontece em janeiro em Curitiba

Inscrições já estão abertas e são gratuitas
Helena Nogueira