StarCraft II

StarCraft II: Serral desbanca Stats e é campeão da WCS 2018

Finlandês se tornou o primeiro não-coreano a conquistar o título
@helenavnogueira
Helena Nogueira
escreve para o Versus.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Joona "Serral" Sotala fez história no palco da BlizzCon 2018. Neste sábado (3), o finlandês foi campeão da StarCraft II World Championship Series 2018 ao derrotar o sul-coreano Kim "Stats" Dae Yeob por 4 a 2. Pela primeira vez, um não-coreano conquistou o título do campeonato, principal do jogo, que é realizado desde o ano de 2012.

Leia mais:

Serral, pro player de apenas 20 anos da ENCE eSports, se manteve grande parte do ano competitivo intacto no topo do ranking mundial - atualmente, ele possui o total de 14090 pontos. Com o triúnfo, o filandês conquistou a expressiva premiação de US$ 280 mil.

A WCS é o circuito mundial de StarCraft II, sendo que se classificaram aqueles que acumularam o maior número de pontos no ranking da competição. O brasileiro Diego "Kelazhur" Schwimer não conquistou classificação para o evento deste ano, mas a América Latina será representada pelo competidor mexicano Juan Carlos "SpeCial" Lopez.

O torneio premiou o total de US$ 700 mil dólares em suas finais na BlizzCon 2018. As partidas foram transmitidas no canal oficial de StarCraft na Twitch.



Helena Nogueira é repórter no Versus. Siga-a em @helenavnogueira.

Tags Relacionadas
StarCraft IIStarCraft
Mais notícias
StarCraft 2: Comunidade realiza torneio de caridade em memória de iNcontrol
StarCraft II

StarCraft 2: Comunidade realiza torneio de caridade em memória de iNcontrol

Dinheiro irá para uma fundação de resgate de bullgdogs abandonados
Beatriz Coutinho
StarCraft Remastered ganhará modo oficial cartunizado
StarCraft II

StarCraft Remastered ganhará modo oficial cartunizado

Até os zergs ficaram fofinhos nesta versão
Matheus Oliveira
SC2: TurkeyDano se classifica na 1ª qualificatória da WCS Spring Challenger
StarCraft

SC2: TurkeyDano se classifica na 1ª qualificatória da WCS Spring Challenger

Brasileiro jogou pelo Brasil na NationWars V
Beatriz Coutinho