Smite

Smite: Lead designer de Olorum diz que Orixás podem chegar ao game em breve

AJ Walker contou como a equipe se preparou para criar o Regente dos Céus
@helenavnogueira
Helena Nogueira
escreve para o Versus.
Foto: Hi-Rez Studios/Reprodução
Foto: Hi-Rez Studios/Reprodução

O último deus a chegar a Smite foi Olorum, o Regente dos Céus. Além de ser a primeira divindade de religiões africanas do MOBA, a entidade também está presente no Candomblé e Umbanda.

Para entender mais sobre o processo de criação do personagem, o Versus conversou com AJ Walker, lead designer da Hi-Rez, que revela aos fãs brasileiros que a chegada de Orixás ao jogo é muito possível.

Leia mais:


Atualmente, Smite possui 103 personagens jogáveis - todos representantes de culturas e crenças ao redor do globo. Entidades das lendas arturianas, como o Rei Arthur e Merlin, e divindades como Kali, do hinduismo, se confrontam no campo de batalha.

Considerando esta pluralidade de personalidades culturais, a chegada de Olorum foi uma surpresa muito bem-vinda para aumentar a diversidade dos deuses de Smite. AJ detalhou ao Versus o processo de escolha do Regente dos Céus:

"Estamos interessados há certo tempo em várias mitologias da África (...) e, por meio da nossa pesquisa, os personagens do Iorubá foram os que mais se destacaram: eles possuíam os nomes mais conhecidos, e muitos dos personagens encaixariam bem no jogo, com histórias ricas para utilizarmos. Decidimos focar especificamente no Olorum porque ele é o líder do panteão. (...) Ele é um criador muito poderoso, e mesmo assim governa a certa distância e sem santuários ou rituais para ele - e isto nos deu liberdade para sermos criativos."

Ilsutração de Olorum. Nas religiões afro-brasileiras, Olorum é o ser supremo que criou a humanidade e os Orixás, além de estabelecer a existência e o universo.
Ilsutração de Olorum. Nas religiões afro-brasileiras, Olorum é o ser supremo que criou a humanidade e os Orixás, além de estabelecer a existência e o universo.

Após a escolha da entidade ter sido definida, a equipe de desenvolvimento realizou um estudo para se preparar para adaptar Olorum aos moldes de Smite. AJ explica que, apesar da consulta com representantes do grupo étnico-linguístico Iorubá ser "uma parte menor do processo", os profissionais envolvidos contaram com os direcionamentos de professores universitários e de colegas das regiões sul-americana e nigeriana.

"Normalmente procuramos por experts nestes tópicos, conversamos com historiadores de universidades para nos ajudar a preparar. Além dos textos históricos, focamos em vídeos e conteúdos sobre os atuais representantes do Iorubá para nos ajudar a aprender o máximo possível."

"Nossos principais objetivos são encontrar as fontes históricas mais precisas e representar novas culturas de uma forma correta e respeitosa. Tentamos acumular várias fontes e compará-las, isto garante que os designs sigam detalhes que a maior parte das pessoas e culturas conseguem se relacionar."

A chegada do Regente dos Céus ao campo de batalha também abriu portas para que outras divindades africanas sejam consideradas para o jogo. Quando perguntado pelo Versus sobre a possibilidade de os fãs verem Orixás no MOBA, AJ sugeriu que entidades relacionadas ao público brasileiro são consideradas pelo time de desenvolvimento.

"O fato de que os Orixás Iorubá são conhecidos no América do Sul e outras regiões foi com certeza considerado quando adicionamos este panteão. Por ora, planejamos criar deuses com influências africanas especificamente. Consideramos divindades que se relacionam especificamente ao Brasil no passado e definitivamente vamos continuar considerando elas para o futuro. Também é muito possível que vejamos Orixás em Smite em breve!"

O lead designer também comentou sobre a importância de Olorum ser o primeiro personagem negro de Smite: "Pensamos que ampliar nosso alcance para maior identificação das audiências é certamente melhor para o jogo, além de ser melhor para os jogadores. Vamos nos esforçar para continuar aumentando a quantidade de culturas diferentes e pessoas representadas por nossos personagens, e existem outros personagens por vir que foram influenciados por este objetivo".



Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Helena Nogueira é repórter no Versus. Siga-a em @helenavnogueira.

Tags Relacionadas
Smite
Mais notícias
Smite: Iemanjá é a próxima divindade do Candomblé e Umbanda a chegar ao game
Smite

Smite: Iemanjá é a próxima divindade do Candomblé e Umbanda a chegar ao game

Orixá chegará ao MOBA ainda em outubro
Barbara Gutierrez
Pittsburgh Knights fecha parceria com rapper Wiz Khalifa
Mercado

Pittsburgh Knights fecha parceria com rapper Wiz Khalifa

O artista oferecerá serviços de direção criativa, marketing e entretenimento
Helena Nogueira
Smite recebe novo personagem Olorum, divindade do Candomblé e Umbanda
Smite

Smite recebe novo personagem Olorum, divindade do Candomblé e Umbanda

O Regente dos céus é o primeiro mago agressivo do MOBA
Barbara Gutierrez