PUBG

PUBG: Final da 4ª temporada da BPL terá 16 equipes e R$ 10 mil em premiação

As três melhores equipes garantem vaga na próxima LA League
@lucas.hagui
Escrito por
Lucas Hagui
Foto: Lucas Takashi/Versus/Montagem
Foto: Lucas Takashi/Versus/Montagem

A final da 4ª temporada da Brasil Premier League (BPL) de PlayerUnknown's Battlegrounds (PUBG) acontece entre 12 e 28 de setembro, com 16 equipes competindo pelas três vagas na próxima etapa da LA League e R$ 10 mil em premiação.

Leia mais

As partidas serão em 24 quedas durante seis dias (12, 13, 19, 20, 26 e 27 de setembro), com dez partidas em Erangel, dez em Miramar e quatro em Sanhok.

Os 16 times que disputarão a 4ª temporada da BPL são:

  • Farm Stream
  • Invictus Team BR
  • Lumberjacks E-Sports
  • 1v9
  • Lava Mouse
  • Decay
  • Vertu Clan
  • Team Burgman
  • Winners Wolves
  • Virtus Podre
  • Furacão Gaming
  • OWLS Gaming
  • Aposentados
  • Sem Teto (Ex-Flamingos)
  • Space Monkeys
  • Clutch or kick

A premiação de R$ 10 mil será dividida entre o Top 3 do torneio da seguinte forma:

  • 1º lugar: R$ 5 mil + Vaga na LA League S4
  • 2º lugar: R$ 3 mil + Vaga na LA League S4
  • 3º lugar: R$ 2 mil + Vaga na LA League S4

Vale lembrar que a LA League é o torneio sul-americano que dá vagas para o PUBG Global Championship 2019, competição mundial que acontece entre 8 e 24 de novembro com US$ 2 milhões (R$ 8,2 milhões) em premiação.

Acompanhe as partidas na transmissão nos canais oficiais da ESL Brasil no Youtube e BBL no YouTube e Twitch, a partir das 19h.

O PUBG Lite é uma versão gratuita de PlayerUnknown's Battlegrounds e porta de entrada para quem quer conhecer mais do battle royale. Saiba mais sobre o game no vídeo acima.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
PUBG
Mais notícias
PUBG Mobile: Equipe brasileira Loops vence Pro League e garante vaga no mundial
PUBG

PUBG Mobile: Equipe brasileira Loops vence Pro League e garante vaga no mundial

Time faturou US$ 55,5 mil, cerca de R$ 299 mil
Beatriz Coutinho
Os melhores casos de justiça sendo feita nos esports
Esports

Os melhores casos de justiça sendo feita nos esports

Lembre de jogadores que foram banidos, expulsos ou penalizados por trapaças e por comportamento tóxico
Helena Nogueira
PUBG Corp. bane argentino p0me por 2 anos após atitudes racistas
PUBG

PUBG Corp. bane argentino p0me por 2 anos após atitudes racistas

Caso de reincidência levou a um maior período de banimento
Beatriz Coutinho