Street Fighter

Programa eFighter Pass promete auxiliar competidores a conseguir vistos norte-americanos

Iniciativa foi criada pela pro player Sherry Jenix

Com o objetivo de ajudar competidores a conseguirem seus vistos norte-americanos para competir internacionalmente, a pro player Sherry "SherryJenix" Nhan criou o programa eFighter Pass.

Leia mais:


Segundo o comunicado no portal oficial do eFighter Pass, a iniciativa foi criada após a pro player testemunhar o caso do dominicado Lenny "Crossover" Matos, último campeão latino-americano da Capcom Pro Tour.

Ao vencer a final regional, Crossover garantiu seu espaço nas finais mundiais do circuito competitivo de Street Fighter, que aconteceram em Las Vegas, nos EUA, mas não pôde comparecer ao torneio por ter seu visto negado. O espaço do campeão ficou com o segundo colocado, o peruano Gonzalo "Pikoro" Buleje.

"Finalmente estamos funcionando! EFighter Pass é um programa criado para ajudar jogadores estrangeiros a conseguir vistos norte-americanos para competir. Para mais informações cheque o portal oficial. O site está disponível em inglês, espanhol, francês e português", diz o tweet.

Segundo o vídeo de anúncio, os jogadores que desejarem entrar em contato e buscar auxílio do programa podem recorrer ao portal oficial.

Além disso, os jogadores que obtiverem vistos pelo eFighter Pass terão, na própria plataforma, um espaço para receber doações da comunidade. Até o momento, apenas o mexicano Sebastian "El Tigre" Aguiler teve sucesso. Crossover está em processo de aprovação.

A Capcom Pro Tour 2019 começa com o torneio Final Round, que acontece em Atlanta, nos EUA, entre os dias 15 e 17 de março.

Os jogos continuarão a ser transmitidos nos canais Capcom Fighters na Twitch e YouTube.   


Matheus Oliveira é redator do Versus. Siga-o no Twitter.

Tags Relacionadas
Street Fighter