Point Blank

Point Blank: Seletiva Nacional do International Championship terá finais em São Paulo

Time brasileiro vencedor disputará as finais mundiais na Coréia em novembro
@iugahtk
Lucas Hagui
escreve para o Versus.
Foto: Montagem/Lucas Takashi
Foto: Montagem/Lucas Takashi

A cidade de São Paulo será o palco da final da Seletiva Nacional do Point Blank International Championship 2018, torneio que reúne as oito melhores equipes do FPS para competir pelo título na grande decisão na Coréia do Sul.

Leia mais:

Entre as equipes brasileiras classificadas estão Juventus, LigaUncharted, AlunosDoClare, HeltonDesigner, 2 Kill Gaming, Matches Weplay, Black Dragons e UnchartedBlack. Destaque para a 2Kill, que foi a bicampeã do World Challenge 2018 ao vencer a equipe tailandesa TokioStriker.

Confira a chave da competição:

Foto: Reprodução/Point Blank
Foto: Reprodução/Point Blank

O time vencedor irá viajar para Seul, na Coréia do Sul, para enfrentar as melhores equipes do mundo entre os dias 17 e 18 de novembro, na Arena OGN.

A qualificatória do torneio acontecerá entre os dias 3 e 4 de outubro, com as partidas decisivas (semifinais e final) no dia 20 de outubro na Rocketz Space, em São Paulo. A transmissão é realizada no canal oficial da Ongame no Youtube.



Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Tags Relacionadas
Point Blank
Mais notícias
Point Blank: Black Dragons vence CNPB e garante vaga nas finais mundiais
Point Blank

Point Blank: Black Dragons vence CNPB e garante vaga nas finais mundiais

Equipe representará o Brasil no PBIC
Matheus Oliveira
Point Blank: Representante brasileiro do PBIC será definido neste sábado (7)
Point Blank

Point Blank: Representante brasileiro do PBIC será definido neste sábado (7)

Finais mundiais acontecem na Indonésia, entre 12 e 13 de outubro
Lucas Hagui
Brasileiros da Black Dragons ficam em 3º lugar no mundial de Point Blank
Point Blank

Brasileiros da Black Dragons ficam em 3º lugar no mundial de Point Blank

Equipe recebeu US$ 5 mil pelo resultado
Lucas Hagui