Paladins

Paladins: Brasileiros da Spacestation fazem campanha histórica e ficam em 3º/4º no Mundial

Brasileiros ficaram em 3º/4º lugar no World Championship
@helena.nogueira
Helena Nogueira
é reporter no Versus.
Foto: Helena Nogueira
Foto: Helena Nogueira

O Brasil fez história, mas foi eliminado da Paladins World Championship (PSW) 2018. Neste sábado (17), a Spacestation Gaming (SSG) perdeu para a Team Envy por 4 a 3 nas semifinais. Com o resultado, a equipe brasileira ficou em na 3º/4º lugar no mundial realizado na Hi-Rez Expo* em Atlanta, nos Estados Unidos.

Leia mais:

A equipe brasileira é composta pelos jogadores Alex "Ar3z" Azevedo, Luan "Mittow" Henrique, Leandro "Frzgod" Gomes, Guilherme "RECHAO" Recher e o técnico argentino Matias "Saadhak" Delipetro, que está completando a line-up.

O primeiro mapa, Splitstone Quarry, teve uma surpresa nos picks e bans: Ar3z, do time brasileiro, escolheu a campeã Skye, muito ausente das partidas competitivas. O pro player contrariou as expectativas e, ao lado de Frz, conduziu o time a um começo de jogo imponente, mas a Team Envy encontrou folego e tomou controle da partida, que terminou com derrota da SSG por 4 a 2.

Da mesma forma, o segundo confronto, Ascension Peak, custou muito esforço dos brasileiros. Aplicando muita pressão, a equipe norte-americana liderou o placar, mas logo foi superada pela Spacestation, que usou as aberturas que teve para revidar e levar a melhor por 4 a 2.

O terceiro mapa, Frog Isle, trouxe um confronto acirrado que levou ao segundo ponto da SSG, com placar final de 4 a 3. No quarto mapa, Timber Mill, a Envy respondeu à altura dos adversários, atropelando os brasileiros por 4 a 1.

Porém, os brasileiros deram a volta por cima e venceram em Serpent Beach, por 4 a 0. Tornando as coisas complicadas para a SSG, a equipe norte-americana mostrou um desempenho agressivo em Stone Keep, forçando um sétimo jogo por 4 a 1.

A decisão da série aconteceu em Brightmarsh e contou com um Brasil explosivo, mas que perdeu por pouco para os oponentes. Os norte-americanos confirmaram a vitoria por 4 a 3.

Com a derrota, os brasileiros deixam a Paladins World Championship na 3ª/4ª colocação, tendo protagonizado a principal campanha nacional no mundial.

Esta é a primeira vez na história que um time brasileiro chega à semififinal da Paladins World Championship, que conta com uma premiação total de US$ 300 mil.

O PSW faz parte da Hi-Rez Expo 2018, que acontece na DreamHack Atlanta 2018. O mundial do jogo de tiro está sendo transmitido na Mixer. Para saber tudo sobre o campeonato, confira o nosso Guia.

*A jornalista viajou a Atlanta a convite da Hi-Rez

Helena Nogueira é repórter do Versus. Siga-a no Twitter em @helenavnogueira.

Tags Relacionadas
Paladins
Mais notícias
Finalistas do Prêmio eSports Brasil são divulgados; confira a lista completa
Esports

Finalistas do Prêmio eSports Brasil são divulgados; confira a lista completa

Evento acontece em 19 de dezembro
Matheus de Lucca
Paladins: Tiberius, o Mestre das Armas, chega ao jogo em janeiro de 2020
Paladins

Paladins: Tiberius, o Mestre das Armas, chega ao jogo em janeiro de 2020

Outros quatro campeões chegarão ao game em breve
Helena Nogueira
Indicados ao Prêmio eSports Brasil 2019 são revelados; votação está aberta
Esports

Indicados ao Prêmio eSports Brasil 2019 são revelados; votação está aberta

Usuários poderão eleger seus escolhidos até 19 de novembro
Matheus de Lucca