Overwatch

Overwatch League: Shangai Dragons demite 8 jogadores após perder todas as séries da 1ª temporada

É hora de recomeçar
@beatriz.coutinho
Beatriz Coutinho
é reporter no Versus.
Imagem: Reprodução
Imagem: Reprodução

Após passar por uma terrível temporada inaugural da Overwatch League, a Shangai Dragons anunciou a demissão de oito de seus 11 jogadores. A organização não falou sobre quando anunciará uma nova equipe.

Leia mais:

Foram tirados da equipe os pro players Xu “Freefeel” Peixuan, Kim “Daemin” Dae-min, Liu “Xushu” Junjie, He “Sky” Junjian, Cheng “Altering” Yage, Jing “Roshan” Wenhao,Chen “Fiveking” Zhaoyu e Chon “Ado” Gi-hyeon.

"Vocês sempre farão parte da família Dragão. Desejamos toda a sorte em seus futuros esforços", disse a organização no Twitter.

Dois membros da equipe técnica também foram demitidos, o head coach Son "Kong" Jun-Young e o analista Jia Jia. Permanecem na line-up a jogadora Kim “Geguri” Se-yeon e os pro players Lu “Diya” Weida e Lee “Fearless” Eui-seok.

Durante a primeira temporada da Overwatch League, a Shangai Dragons não venceu nenhuma série, o que resultou em 40 derrotas durante o campeonato.

A Blizzard ainda não anunciou a data de estreia da 2ª temporada Overwatch League. A grande campeã da temporada inaugural foi a London Spitfire, que venceu a Philadelphia Fusion por 2 a 0.

Bia Coutinho é redatora no Versus. Siga-a no Twitter em @biaacoutinhoo.

Tags Relacionadas
Overwatch
Mais notícias
Overwatch: Action figure da Widowmaker é tudo o que você precisava e não sabia
Overwatch

Overwatch: Action figure da Widowmaker é tudo o que você precisava e não sabia

Assaltando a própria carteira em 3,2,1...
Beatriz Coutinho
Overwatch: Skins do evento de Ano Novo Lunar 2020 estão disponíveis
Overwatch

Overwatch: Skins do evento de Ano Novo Lunar 2020 estão disponíveis

Obtenha os novos visuais até 5 de fevereiro
Matheus de Lucca
Lowkey Esports deve mais de R$ 561 mil em salários e outros pagamentos atrasados, segundo site
Esports

Lowkey Esports deve mais de R$ 561 mil em salários e outros pagamentos atrasados, segundo site

Apuração do TheScore Esports mostrou que organização não paga jogadores e funcionários desde outubro de 2019
Helena Nogueira