Overwatch

Overwatch: Caso de fabricação de identidade é descoberto na Contenders norte-americana

Jogador tentou vaga na competição se passando por mulher
@iugahtk
Lucas Hagui
escreve para o Versus.
Foto: Montagem/Lucas Takashi
Foto: Montagem/Lucas Takashi

Recentemente, no cenário norte-americano da Overwatch Contenders, um caso de fabricação de identidade foi descoberto pela Blizzard, envolvendo a equipe Second Wind e Ellie, uma persona criada por um jogador que tentava entrar na liga com a falsa identidade.

Leia mais:

Tudo começou quando a equipe Second Wind perdeu cinco jogadores no período de novembro e dezembro de 2018, pois eles saíram por conta de propostas melhores. Por isso, em busca de reestruturar a equipe, eles anunciaram Ellie como substituta, pois a jogadora ocupava a quarta posição na ranqueada norte-americana e apresentava muita habilidade.

Com o anúncio, muita gente começou a questionar a contratação e a identidade da jogadora, falando que outra pessoa jogava em seu lugar. Com isso, a própria Second Wind incentivou a jogadora a realizar streams e provar que eles estavam errados, porém a negatividade recebida durante as transmissões fez com que a jogadora se afastasse da equipe e desistisse da vaga por motivos pessoais.

Mas o caso se mostrou mais complexo do que todos imaginavam, pois a Overwatch League e Second Wind decidiram pesquisar mais sobre o assunto e descobriram que, no fim das contas, o jogador por trás de Ellie era Punisher, um veterano das ranqueadas norte-americanas de Overwatch, que jogava enquanto uma jovem moça aparecia na câmera e falava com os jogadores.

De acordo com Rod "Slasher" Breslau, um consultor de esports, Punisher propôs isso para uma jogadora chamada Catsui como um caso de "experimento social". No entanto, Rod ainda descobriu, por meio de outra jogadora contactada, que Punisher dizia que "jogadores enviavam mensagens diretas para oferecer dinheiro e 'seduzi-lo'", mostrando a má intenção por trás do "experimento".

Após o ocorrido, a Second Wind postou um tweet esclarecendo o corrido e se posicionando, além de se desculpar com a comunidade.

No tweet, eles comentam que precisavam de jogadores após a saída de parte da line-up e, ao encontrar uma jogadora habilidosa decidiram contratá-la. Além disso, eles mencionam que não suspeitaram em nenhum momento devido ao fato de não terem contato pessoalmente com os jogadores, sendo que nenhuma suspeita apareceu via mensagens.

Após a saída de Ellie, a equipe ainda recebeu uma mensagem da Blizzard falando que a pessoa não era quem dizia ser e que a conta era usada de irregular. Por fim, a Second Wind encerrou a nota se desculpando pelo ocorrido.

Confira o posicionamento do time na íntegra, em inglês, a seguir:

A GamesIndustry entrou em contato com um representante de Overwatch nos EUA, que disse que o jogador por trás de Ellie não tem envolvimento com nenhuma equipe da liga (Contenders ou League), além de que Ellie nunca jogou partidas pela Second Wind - algo que provavelmente não afetará o time nos playoffs.

Esse é um sério caso para o cenário, principalmente por manchar a luta das mulheres em busca de espaço nos esports. Ainda em Overwatch, um exemplo é a Kim "Geguri" Se-yeon, a primeira jogadora a entrar na Overwatch League e uma das melhores jogadoras de Zarya do mundo. Mesmo sendo tão habilidosa, Geguri foi acusada de usar hacks por jogadores que não aceitavam seu talento durante o início da carreira e, quando já estava na OWL, pessoas criticavam desnecessariamente a aparência da jogadora - algo que não acontece com jogadores homens.

Por fim, não há nenhuma informação de Punisher, jogador responsável pela fabricação de identidade, já que apenas o seu nick dentro do jogo é conhecido.



Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Tags Relacionadas
Overwatch
Mais notícias
Overwatch: Cosplay incrível de Ashe coloca ordem nas gangues do Velho Oeste
Overwatch

Overwatch: Cosplay incrível de Ashe coloca ordem nas gangues do Velho Oeste

"Meu negócio, minhas regras"
Beatriz Coutinho
Overwatch: Escolte a carga com todo o conforto dessa cadeira gamer da D.Va
Overwatch

Overwatch: Escolte a carga com todo o conforto dessa cadeira gamer da D.Va

Coleção da Secret Lab foi anunciada na BlizzCon 2019
Matheus Oliveira
Overwatch 2: Tudo o que sabemos sobre a sequência do FPS da Blizzard
Overwatch

Overwatch 2: Tudo o que sabemos sobre a sequência do FPS da Blizzard

Segundo a empresa, tudo foi pensado para ajudar a contar novas histórias
Helena Nogueira