Esports

Lowkey Esports encerra atividades no Brasil por problemas financeiros

Line-ups de CS:GO, Rainbow Six e Rocket League foram liberadas
@helenavnogueira
Escrito por
Helena Nogueira

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Lowkey Esports encerrou suas atividades no Brasil. Na terça-feira (7), a organização norte-americana liberou suas line-ups brasileiras de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO), Rainbow Six: Siege (R6) e Rocket League. A informação foi confirmada pelos pro players dispensados, que também afirmaram que a organização alegou problemas financeiros.

Leia mais:

No Twitter, os ex-jogadores da Lowkey divulgaram que foram liberados e que procuram por novas organizações.

Vários deles, incluindo Matheus "demo" Yokomizo, do CS:GO, confirmaram que a empresa encerrou suas atividades no Brasil. Segundo Danielle "Cherna" Andrade, da equipe de R6, ao informar as equipes sobre o desligamento, a Lowkey alegou "problemas financeiros".

A Lowkey contratou seu primeiro time brasileiro em fevereiro de 2019, quando entrou para o cenário de Overwatch com nomes de destaque da Contenders Sul-Americana. Os jogadores foram liberados em outubro do mesmo ano.

O próximo elenco contratado pela organização foi o de Rocket League, formado em junho por CAIOTG1, caard e tander. Juntos, eles representaram o Brasil em duas etapas do mundial do game.

Em outubro, a equipe de Demo assinou com a organização norte-americana enquanto disputavam torneios nacionais em busca de uma vaga no CLUTCH Circuit de CS:GO. A contratação da line-up de Cherna aconteceu pouco tempo depois, em novembro.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Mais notícias
SonicFox decide não participar da EVO Online 2020
Mortal Kombat

SonicFox decide não participar da EVO Online 2020

Decisão aconteceu após o presidente do torneio ser acusado de assédio sexual
Beatriz Coutinho
Smash Ultimate: Nairo, Cinnpie e Keitaro são acusados de pedofilia
Smash Bros

Smash Ultimate: Nairo, Cinnpie e Keitaro são acusados de pedofilia

Diversas acusações surgiram na comunidade de Smash
Beatriz Coutinho
Samira Close comanda live para celebrar Orgulho LGBTQ+ no Facebook Gaming
Comunidade

Samira Close comanda live para celebrar Orgulho LGBTQ+ no Facebook Gaming

Transmissão terá Diva Depressão, Maíra Medeiros, Lia Clark e mais como convidados
Beatriz Coutinho