League of Legends

xPeke, Mad Life e mais: as jogadas batizadas com nomes de pro players de LoL

"Eae man, tu viu minha jogada?"
@biaacoutinhoo
Escrito por
Beatriz Coutinho
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Quem acompanha o cenário competitivo de League of Legends (LoL) há bastante tempo teve o prazer de ver grandes jogadas de alguns dos maiores pro players que já passaram pelo MOBA da Riot Games. Nesta lista o Versus apresenta jogadas tão insanas que foram batizadas com os nicks dos pro players que as executaram - de maneira praticamente perfeita.

Leia mais:

O backdoor de xPeke

A épica jogada de Enrique "xPeke" Cedeño durante a 7ª temporada da Intel Extreme Masters de LoL aconteceu em uma das últimas partidas da Fase de Grupos do torneio, contra a SK Gaming.

Bastante acirrada, a partida já se encaminhava para seu final quando xPeke esperou a SK correr atrás de seus companheiros de equipe. Sem deixar os adversários perceberem que ele estava escondido no topo, xPeke esperou o momento certo para descer até a base da SK para acabar com seu Nexus, pegando todo mundo de surpresa.

Rapidamente, xPeke garantiu a destruição do Nexus e logo em seguida a transmissão foca na comemoração da Fnatic, cujos jogadores pulam de alegria, enquanto os pro players da SK lamentam e choram.

MadLife

Durante uma partida da liga sul-coreana de League of Legends (LCK), Hong "MadLife" Min-gi, conhecido por jogar muito bem com o campeão Thresh, fez uma jogada que chocou jogadores, casters e torcedores do game.

MadLife estava perseguindo o Ezreal inimigo junto de seus companheiros. Quando percebeu que o Ezreal fugiria, ML "previu" a direção que o adversário usaria para escapar e conseguiu usar a Sentença de Thresh exatamente onde Ezreal apareceu depois de usar sa Translocação Arcana, que acabou não sendo efetiva.

inSec

Utilizando seu famoso Lee Sin, Choi "inSec" In-seok faz os olhos de muitos jogadores brilhar quando assistem à sua famosa jogada.

A play consiste em posicionar uma sentinela atrás do adversário, utilizar o W do Lee Sin para ir até a ward e em seguida usar a ultimate do Monge Cego para chutar o inimigo na direção do seu time, para que o alvo fique vulnerável e sua equipe vença a luta.

Na época esta tática foi surpreendente, levando a muitos jogadores e pro players de outras regiões a começar a praticar a sua execução. Não há um Lee Sin da solo queue que não tente - e, muitas vezes, consiga - reproduzir o "inSec".

Misaya

A jogada de Yu "Misaya" Jing-Xi ficou bastante famosa entre os jogadores que gostam do campeão Twisted Fate. O objetivo é utilizar a ultimate de TF para ir até o time inimigo, de uma maneira até questionável, "fingindo" ser um alvo fácil, e então logo em seguida utilizar a Ampulheta de Zhonya, que deixará o campeão invulnerável e inalvejável por alguns segundos.

Tentando se proteger, a equipe inimiga gastará todas as suas habilidades de controle de grupo e consequentemente perderá a luta que acontecerá em seguida, pois o time aliado já está logo atrás.

BloodWater

Lyubomir "BloodWater" Spasov, na época jogando pela Team Vulcun, impressionou muita gente ao roubar um Barão - quase garantido - da Cloud9. Na espreita com sua Janna, o suporte furtou o monstro utilizando a habilidade Ventania Uivante.

O mais impressionante foi que a habilidade estava só com o seu primeiro nível, ou seja, o dano mais baixo possível para aquela etapa da partida.

Condi

Xiang "Condi" Ren-Jie, ex-jogador da LGD Gaming, é bastante conhecido por roubar Barões de maneiras que sempre surpreendem muita gente.

No vídeo acima você confere um desses roubos, no qual Condi - ainda jogando pela Team WE - estava de Lee Sin e esperou o exato momento em que o Alistar adversário saiu do Covil para emboscá-lo, mas ele rapidamente entrou no espaço do Barão e o roubou.

Após o roubo, a EDG ainda tentou abater Condi, mas mesmo com pouca vida ele conseguiu escapar. Desde junho de 2019 Condi está suspenso do cenário competitivo por 18 meses. O afastamento aconteceu porque a Riot Games descobriu que ele se envolveu em um caso de manipulação de resultados de jogos.

TeLEPorte

Infelizmente, nem só de boas jogadas vive o cenário competitivo. Em 2014 o Brasil estreou no Mundial de LoL sendo representado pela KaBuM! e passou por alguns maus bocados.

Um deles foi quando Pedro "Lep" Marcari usou seu Teleporte para ajudar o time em uma luta, mas apareceu no meio da teamfight e acabou sendo quase automaticamente abatido pela Cloud9.

Curtiu as jogadas que o Versus separou? Quais outras plays você acrescentaria nessa lista? Conte para nós nos comentários.

KALECada

Durante a época em que atuava como pro player, Rodrigo "Kalec" Rodrigues era bastante conhecido por seu gameplay 8 ou 80. Muitas vezes exaltado como KaleGOD, o jogador também cometia deslizes de vez em quando.

Chamadas de Kalecadas, as jogadas ruins de Kalec mostram que ele costumava se enfiar no meio de lutas nas quais tinha 99% de chance de morrer... e então morria mesmo. Recentemente, o ex-jogador foi campeão do Circuito Desafiante como técnico da ProGaming.

Um jogador que não tem apenas uma, mas várias jogadas incríveis é Lee "Faker" Sang-hyeok, tricampeão mundial de League of Legenfs pela SK Telecom T1 - que também está classificado para o Mundial 2019. Para saber tudo sobre o pro player sul-coreano assista ao vídeo acima.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
Guia TFT: Melhores composições e sinergias do Conjunto 3 de Teamfight Tactics
Teamfight Tactics

Guia TFT: Melhores composições e sinergias do Conjunto 3 de Teamfight Tactics

Saiba quais campões e combos priorizar para ficar em 1º nas partidas de Galáxias
Matheus Oliveira
CBLoL: "Fiquei irritado", diz Mora sobre decisão da INTZ de jogar com reservas
League of Legends

CBLoL: "Fiquei irritado", diz Mora sobre decisão da INTZ de jogar com reservas

Segundo o técnico do Santos, os intrépidos não mantiveram a integridade competitiva do CBLoL
Beatriz Coutinho
LoL: Seleção de 82, time de Mayumi, vence Logitech G Challenge
League of Legends

LoL: Seleção de 82, time de Mayumi, vence Logitech G Challenge

A grande final aconteceu no último sábado (8)
Matheus Oliveira