League of Legends

LoL: Riot anuncia novo sistema de balanceamento de campeões

Mais variedade para todo mundo, do casual até profissional
@lucas.hagui
Lucas Hagui
é reporter no Versus.
Foto: League of Legends/Reprodução
Foto: League of Legends/Reprodução

A Riot Games anunciou um novo sistema de balanceamento de campeões em League of Legends, destacando alterações que tornarão o game melhor para todos os jogadores, evitando realizar mudanças exclusivamente voltadas para os melhores players da região.

Leia mais:

Com o novo Plano de Balanceamento de Campeões, quatro quesitos serão levados em conta para realizar o balanceamento mais adequado, que são: jogador regular, habilidoso, elite e competitivo.

O ponto de jogador regular levará em conta o balanceamento para os elos com a maior quantidade de pessoas, no caso os 90% do servidor. Levando o desempenho desses jogadores como balança, será mais fácil detectar um campeão que é forte e sem complexidade de gameplay - os famosos "quebrados da soloq".

Assim, os campeões nesse critério poderão ter:

  • Limite máximo: 54,5% de taxa de vitória se a taxa de banimento (TBM) for menor que 7% ou 52,5% para taxa de banimento maior que 5x o TBM
  • Limite mínimo: 49% de taxa de vitória
Foto: League of Legends/Reprodução
Foto: League of Legends/Reprodução

Na categoria habilidoso estão os outros 10% das ranqueadas do servidor. Eles jogam melhor e sentem mais a força dos personagens, porém ainda não se equiparam ao grupo mais avançado.

Assim, os critérios com base nesses jogadores serão:

  • Limite máximo: 54% de taxa de vitória se a TBM for menor que 7% ou 52% para taxa de banimento maior que 5x o TBM
  • Limite mínimo: 49% de taxa de vitória

A categoria de elite representa os melhores do servidor - apenas 0,1% estão nesses elos. Diferente dos critérios anteriores, a Riot utilizará a presença como fator principal, em vez de utilizar somente a taxa de banimento. Além disso, o nível de habilidade deste nível é tão elevado que o balanceamento do campeão não é o único fator que tem impacto no resultado.

Com isso, os critérios serão:

  • Limite máximo: 45% de taxa de banimento
  • Limite mínimo: 5% de presença de escolha
Foto: League of Legends/Reprodução
Foto: League of Legends/Reprodução

Por fim está o competitivo, no qual é considerado o desempenho do campeão nas ligas das principais regiões LCK, LPL, LEC, LCS e LMS - Coreia do Sul, China, Europa, América do Norte e Taiwan, respectivamente.

Por ter a questão de meta inclusa, campeões fortes podem não aparecer só por não encaixar em composições específicas e não por estar fraco. Assim, essa seção levará em conta o contexto do meta para buffs e nerfs de campeões, resultando em:

  • Limite máximo: 90% de presença no patch atual ou 80% em patches consecutivas
  • Limite mínimo: 5% de presença

Levando os quatro quesitos em consideração, qualquer campeão que não atenda aos parâmetros será alvo de balanceamento. Essa é uma maneira de deixar o jogo mais justo para todos, já que antigamente o game era balanceado apenas olhando os status dos elos Platina e superior.

Confira todos os detalhes e respostas de dúvidas comuns na página do Diário de Desenvolvimento de League of Legends.

Quer melhorar e se tornar um pro player de League of Legends? Então veja o vídeo acima e confira a visita que o Versus fez ao curso de pro player da Live Arena.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
Guia Superliga ABCDE de LoL 2019: Resultados, horários, formato, transmissão e mais
League of Legends

Guia Superliga ABCDE de LoL 2019: Resultados, horários, formato, transmissão e mais

Acompanhe as disputas que se estendem até 15 de dezembro
Matheus de Lucca
Tekken: “Estamos fazendo história”, diz Cuddle Core sobre cenário de jogos de luta
Tekken

Tekken: “Estamos fazendo história”, diz Cuddle Core sobre cenário de jogos de luta

A pro player estadunidense é conhecida como uma das melhores do país
Matheus Oliveira
LoL: Sul-coreano Key pode jogar pela Pain Gaming no 1º split do CBLoL 2020
League of Legends

LoL: Sul-coreano Key pode jogar pela Pain Gaming no 1º split do CBLoL 2020

Jogador atuava pela equipe Hanwha Life na LCK
Beatriz Coutinho