League of Legends

LoL: Reworks de Fiddlesticks e Volibear terão mecânicas novas; veja detalhes

Os AVMs estão previstos para 2020
@luccabucks
Matheus de Lucca
é reporter no Versus.
Fiddlesticks e Volibear ganharam o voto da comunidade para uma atualização visual e mecânica | Foto: Riot Games/Reprodução
Fiddlesticks e Volibear ganharam o voto da comunidade para uma atualização visual e mecânica | Foto: Riot Games/Reprodução

Depois de uma votação, Fiddlesticks e Volibear foram escolhidos para os próximos reworks de League of Legends (LoL), previstos para 2020. Nesta quinta-feira (25), a Riot Games entrou em detalhes sobre as mudanças propostas e revelou que ambos os campeões receberão novas mecânicas.

Leia mais

No caso de Fiddlesticks, a ideia é manter e melhorar o funcionamento da Tempestade de Corvos (R), mas também "dar aos jogadores ferramentas para continuarem escondidos e para encontrar (ou criar) maneiras de emboscar e enganar seus inimigos". Para tanto, "ele terá mecânicas novas que servirão tanto para confrontos de equipe quanto para outros fins, que darão a ele uma vantagem significativa".

Além de comentar brevemente as possibilidades do kit de habilidades de Fiddlesticks, foram divulgadas artes conceituais do rework. Os desenhos são do rioter Sunny "Kindlejack" Pandita - veja abaixo:

"Desvendando um ancestral maligno" | Foto: Riot Games/Reprodução
"Desvendando um ancestral maligno" | Foto: Riot Games/Reprodução

Por fim, o texto também divaga sobre as possibilidades de origens para Fiddlesticks: um demônio? Um espírito ioniano? Um objeto amaldiçoado? Um fantasma freljordano furioso?

Quanto a Volibear, o principal destaque é a ideia do campeão "não ser parado por efeitos imobilizantes". Segundo a Riot, em vez de ser parado por atordoamentos e enraizamentos, o personagem os converteria em redução de velocidade, que escalaria com base na força do CC.

Além disso, os designers estudam transportar os relâmpagos das Garras do Trovão (R) para um efeito passivo, "dando mais espaço para algo ainda mais explosivo e épico em seu R". A Riot ainda quer modernizar a regeneração de vida e o rugido do trovão, e manter a "capacidade implacável de Volibear correr atrás de seus inimigos como uma mecânica de jogo única".

Veja abaixo as artes conceituais para o novo Volibear:

"Explorando a mente complexa de um urso" | Foto: Riot Games/Reprodução
"Explorando a mente complexa de um urso" | Foto: Riot Games/Reprodução

Se você quer saber mais do processo criativo por trás dos reworks de Fiddlesticks e Volibear, confira a página oficial da Riot Games.

Em outras notícias do "lolzinho", a campeã Qiyana, também conhecida como Imperatriz dos Elementos, chegou ao game rentemente e o Versus convidou o streamer Daniel "Daniels" Marcon para testar as habilidades da personagem e descobrir seus truques. Veja o vídeo acima para conferir o gameplay.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Matheus de Lucca é editor assistente do Versus. Siga-o no Twitter em @luccabucks.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Falkol anuncia contratação Chawy como técnico
League of Legends

LoL: Falkol anuncia contratação Chawy como técnico

Coach jogou pela Taipei Assassins, ahq eSports e HK Attitude
Matheus de Lucca
LoL: All-Star 2019 teve a menor audiência desde 2016
League of Legends

LoL: All-Star 2019 teve a menor audiência desde 2016

Pico de audiência não alcançou os 300 mil espectadores simultâneos
Lucas Hagui
LoL: Brtt anuncia retorno à Pain Gaming
League of Legends

LoL: Brtt anuncia retorno à Pain Gaming

Atirador deixou a equipe em 2016
Beatriz Coutinho