League of Legends

LoL: Reven é punido por infringir regra de ofensa e discurso de ódio em stream

Riot Games anunciou a penalidade após tomar conhecimento do ocorrido
@lucas.hagui
Lucas Hagui
é reporter no Versus.
Foto: Riot Games Brasil/Reprodução
Foto: Riot Games Brasil/Reprodução

A Riot Games anunciou que o sul-coreano Seong "Reven" Sang-hyeon, substituto do Flamengo, será punido no competitivo de League of Legends, após comportamento inadequado em uma de suas transmissões. De acordo com a regra de "Ofensas e Discurso de Ódio", Reven receberá suspensão de cinco jogos em torneios oficiais de LoL, incluindo o Campeonato Brasileiro de LoL (CBLoL) 2020.

Leia mais

O ocorrido aconteceu em uma das transmissões de Reven e envolveu o universitário Ruan Ramos, da Minerva e-Sports UFRJ. Em meio ao nervoso pós-partida, Reven acusou o jogador de fazer win trade (perder propositalmente para beneficiar uma pessoa do time inimigo) e falou "Espero que você se mate, por favor", além de proferir outras palavras ofensivas. Ao que tudo indica, a discussão também se estendeu ao chat da transmissão, com ofensas por parte de Ramos.

De acordo com o livro de regras da Riot Games, está incluída a regra de Ofensas e Discurso de Ódio, que você pode ver na íntegra a seguir:


“10.1.2 Ofensas e Discurso de Ódio O membro de uma equipe não pode usar linguagem obscena, chula, vulgar, insultos, ameaças, abusos, calúnia, difamação ou portar-se de qualquer maneira ofensiva ou repreensível, nem promover ou incitar ódio ou conduta discriminatória. Membros de equipes não podem utilizar quaisquer instalações, serviços ou equipamentos fornecidos ou disponibilizados pela organização ou seus contratantes para postar, transmitir, difundir ou disponibilizar tais comunicações proibidas.

Em nota oficial, é mencionado que a punição foi considerada reincidente, pois neste ano Reven recebeu alertas sobre seu comportamento em redes sociais. A penalidade será aplicada na Temporada 2020 e ele poderá ser inscrito para a próxima etapa, porém não poderá jogar ou atuar na equipe técnica ou comparecer ao estúdio do CBLoL - ou qualquer outro torneio da Riot.

Além disso, caso Reven não seja inscrito por nenhuma equipe nos próximos dois splits, ele poderá jogar a temporada 2021 sem a necessidade de cumprir a suspensão.

League of Legends comemora 10 anos de idade em 2019 e o Versus preparou um vídeo especial para comemorar a ocasião. Veja acima nossa celebração do MOBA e como ele mudou o mercado de esports.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Mais notícias
LoL: Livro Reinos de Runeterra será lançado no Brasil com bônus de pré-venda
League of Legends

LoL: Livro Reinos de Runeterra será lançado no Brasil com bônus de pré-venda

A pré-venda já começou na Amazon!
Jairo Junior
CBLoL: Docil deixa equipe de transmissão da liga
League of Legends

CBLoL: Docil deixa equipe de transmissão da liga

Ele segue na Riot Games, mas agora em outra função
Jairo Junior
LoL: Perkz e Caps trocam de posição para disputar 1º split da LEC 2020
League of Legends

LoL: Perkz e Caps trocam de posição para disputar 1º split da LEC 2020

G2 e seus truques
Beatriz Coutinho