League of Legends

LoL: RED Canids contrata streamer que arrecada fundos para ajudar irmã

Agora, Sparda faz parte da matilha vermelha
@biaacoutinhoo
Beatriz Coutinho
escreve para o Versus.
Imagem: Red Canids Kalunga/Reprodução
Imagem: Red Canids Kalunga/Reprodução

Nesta quinta-feira (21), a Red Canids Kalunga anunciou um streamer especial em sua organização: José Roberto "Sparda" do Nascimento Junior, jogador de League of Legends que faz transmissões online para arrecadar dinheiro com o objetivo de pagar o tratamento de sua irmã mais nova, portadora da Síndrome de Guillain-Barré e Mielite aguda.
Leia mais:


Sparda ficou conhecido na comunidade após divulgar sua stream e os motivos pelos quais transmitia suas partidas de League of Legends.

Além de fazer transmissões, o jogador criou uma campanha de financiamento coletivo para ajudar sua irmã Letícia, de apenas oito anos, a realizar uma plasmaférese, tratamento que permite a retirada de elementos do plasma sanguíneo que possam ser responsáveis por causar doenças. Até o momento, já foi arrecadada mais de 75% da meta de R$ 30 mil.

A Síndrome de Guillain-Barré é uma doença sem cura, na qual o sistema imunológico ataca parte do sistema nervoso. Já a Mielite aguda é uma inflamação que lesiona a medula espinhal, impedindo a transmissão de seus impulsos nervosos, o que pode levar a dores fortes e até a paralisia.

Sparda e a irmã Letícia | Imagem: Facebook/Reprodução
Sparda e a irmã Letícia | Imagem: Facebook/Reprodução

De acordo com Felippe Corradini, sócio da Red Canids Kalunga, a ideia inicial era contribuir financeiramente com a campanha de Sparda. Quando a história foi apresentada a outro sócio da organização, João Paulo Garcia, o clube decidiu assinar um contrato de streamer, no Facebook.

"Infelizmente o Sparda está passando por essa situação complicada e pensamos em ajudar desde o primeiro momento. Porém, depois que levei a ideia ao João, pensamos em todo o contexto e decidimos proporcionar a realização desse sonho para que ele possa ter uma profissão e um futuro que só vai depender dele para poder seguir neste caminho", afirmou Corradini.

Na última segunda-feira (18), Sparda veio a São Paulo para conhecer a gaming house da Red Canids Kalunga. Além disso, o streamer teve a oportunidade de assistir ao último jogo da Red na Fase de Pontos do Circuito Desafiante ao lado de toda a equipe da matilha.

Para que o jogador inicie esta nova etapa da carreira, as marcas HyperX e AOC, parceiras da Red, forneceram periféricos e um monitor gamer para Sparda.

"Animado é pouco para falar o que eu estou sentindo em relação a começar a streamar pela Red. Já tentei ser jogador profissional, mas tive que deixar isso de lado para focar em mim e na minha família e agora estou muito ansioso para começar a trabalhar com uma galera da qual sou fã a muito tempo, a ficha ainda não caiu, para ser sincero", disse o streamer.

Bia Coutinho é redatora do Versus. Siga-a no Twitter em @biaacoutinhoo.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Após adiamentos, Clash é disponibilizado para testes no servidor brasileiro
League of Legends

LoL: Após adiamentos, Clash é disponibilizado para testes no servidor brasileiro

Invocadores já criar equipes a partir desta segunda-feira (16)
Beatriz Coutinho
LoL: Riot lançará livro sobre a história de Runeterra e suas regiões
League of Legends

LoL: Riot lançará livro sobre a história de Runeterra e suas regiões

Agora você já sabe o que pedir de Natal!
Helena Nogueira
LoL: All-Star 2019 será em Las Vegas e terá torneio de TFT
League of Legends

LoL: All-Star 2019 será em Las Vegas e terá torneio de TFT

Quais jogadores representarão o Brasil neste ano?
Helena Nogueira