League of Legends

LoL: O Gaming Office da Havan Liberty é de dar inveja a muito time grande

Confira a galeria de fotos da inauguração do centro de treinamento
@helenavnogueira
Escrito por
Helena Nogueira
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus

A Havan não está para brincadeira. Nesta quinta-feira (30), foi inaugurado o Gaming Office da Havan Liberty, equipe de League of Legends patrocinada pela loja de departamentos - e o centro de treinamento é de dar inveja a muito time grande.

O Versus viajou a convite da rede varejista para acompanhar o evento de inauguração em Brusque, Santa Catarina. Confira abaixo nossa galeria de fotos e entrevista com com Lucas Hang, sócio-fundador da organização de esports.

Leia mais sobre LoL:

Diferente de uma Gaming House, em que os jogadores moram juntos e treinam em um mesmo local, o Gaming Office traz uma proposta mais empresarial: sem a necessidade de conviver nos horários de lazer com o restante do time, neste tipo de centro de treinamento, o pro player comparece aos treinos e depois tem a liberdade de voltar para sua própria casa.

Localizado em um antigo galpão abandonado há mais de dez anos, o Gaming Office da Havan traz uma estrutura moderna e bem equipada que demorou três meses para ser reformada. Fora a Havan Liberty, outra equipe brasileira que escolheu o sistema de escritório é o Flamengo eSports, finalista do 2º Split do Campeonato Brasileiro de League of Legends de 2018.

Confira a galeria de fotos do local:

1/9
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus
Foto: Helena Nogueira/Versus

Durante a inauguração, o sócio-fundador da Havan Liberty contou ao Versus o que levou a organização a optar pelo sistema de Gaming Office: “Queríamos trazer algo que realmente chamasse atenção, ainda mais por ser uma sede no interior. Planejamos para que fosse um Gaming Office completo e inovador, para mostrar que a gente começou algo sério e que não estamos de brincadeira”.

Com presença dos jogadores Guilherme "Vash" del Buono (que foi banido pela Riot Games em 2017 por comportamento tóxico) e Matheus "Theusma" Lima (que não atuava como pro player há mais de seis meses), a organização formou uma line-up com pro players considerados underdogs.

“Antes de trazer estes nomes, a gente pesquisou sobre suas carreiras e sabemos que algumas vezes acontecem infortúnios na carreira do jogador, fazendo com que muitas equipes não os queiram. Porém, a gente realmente pensa que a Havan Liberty é um recomeço. É o recomeço deste galpão [Gaming Office] que era parte de uma fábrica abandonada. Pensamos que, assim como este lugar, nossa equipe de LoL será um recomeço grandioso para todos que queiram voltar ao cenário nacional.”

A equipe atual - que conta também com os jogadores Bruno “Kennedys” Goularte, Harllan “Vasto” Ramponz e Thales "Kales Myth" Braga - disputou as qualificatórias para a 1ª etapa do Circuito Desafiante de 2019 e acabou não se classificando. Agora, o objetivo é se preparar e treinar para conquistar uma vaga na série B de League of Legends durante a 2ª temporada de 2019.

Com base localizada em Brusque, bem longe da capital São Paulo (onde os estúdios da Riot Games estão localizados), a organização recém-anunciada estuda a possibilidade de expansão para outras cidades, mas não planeja deixar o interior de Santa Catarina.

“Sabemos que, no futuro, conforme o time for subindo de divisão, os jogos serão todos em São Paulo. Estamos estudando a logística disso [expansão para a capital paulista] e avaliando várias opções. A Havan tem uma agência de viagens, então há a possibilidade de conseguir passagens aéreas de forma mais barata, mas nunca vamos sair daqui.”

“Mesmo que tenhamos um centro de treinamento em outros lugares, a nossa base vai ser sempre em Brusque. Queremos mostrar para outras equipes de cidades do interior que é possível, sim, fazer algo fora de São Paulo. É possível fazer coisas grandes em cidades pequenas.”

*A jornalista viajou a convite da Havan

Helena Nogueira é repórter no Versus. Siga-a no Twitter em @helenavnogueira.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
CBLoL: Tabela, calendário, horários e mais
CBLoL

CBLoL: Tabela, calendário, horários e mais

Veja todos os detalhes atualizados sobre o 2º Split de 2020
Helena Nogueira
LoL: Aceleração de Habilidade substituirá Redução do Tempo de Recarga
League of Legends

LoL: Aceleração de Habilidade substituirá Redução do Tempo de Recarga

Uma série de itens passarão por mudanças na pré-temporada 2021
Matheus de Lucca
Os maiores times da história de League of Legends
League of Legends

Os maiores times da história de League of Legends

Relembre os elencos que dominaram épocas e metas de LoL
Matheus Oliveira