League of Legends

LoL: Novo sistema de fidelidade da EU LCS requer €10,5 milhões para inscrição de times

Haja gold
@helena.nogueira
Helena Nogueira
é reporter no Versus.
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução

Não será nada barato participar da liga europeia de League of Legends em 2019. Nesta quarta-feira (28), a Riot Games anunciou um novo sistema de fidelidade para a EU LCS que requer que times paguem o valor de € 10,5 milhões (correspondente a aproximadamente R$ 43 milhões) para participar no campeonato.

Leia mais:

O novo formato da competição, similar ao instalado na LCS estado-unidense e chinesa em 2017, transforma a liga em marca e estabelece parceria à longo prazo entre a Riot Games e os times, de forma que haja distribuição dos lucros entre ambas as partes.

Em anúncio oficial, a desenvolvedora explicou que o sistema trará benefícios imediatos aos participantes.

Os pro players dos times inscritos terão salário mínimo anual de € 60 mil, o correspondente à 35% dos rendimentos da competição, segundo a revista Forbes. Além disso, os jogadores ainda poderão receber bônus se o lucro compartilhado aumentar. O sistema também exclui a possibilidade de rebaixamento.

Por outro lado, a liga também incluirá "penalidades de acordo com a performance do time". As punições ainda não foram especificadas.

Segundo a Riot, a novidade deve diminuir a instabilidade do desempenho das equipes e melhorar as condições do campeonato para torcedores e organizações: "Nós estamos explorando novas formas de evoluir a liga e acreditamos que agora é a hora certa para tomar o novo passo para desbloquear um futuro promissor à longo prazo para fãs, pro players e times".

Os candidatos ao campeonato passarão a dividir estratégias, detalhes de propriedade da marca e estabilidade financeira com a desenvolvedora e devem se inscrever até o dia 1º de julho para o processo de seleção.

As organizações escolhidas farão parte do ano competitivo de 2019 e serão anunciadas em novembro deste ano.

Para mais informações sobre o competitivo de League of Legends, continue no Versus.

Helena Nogueira é repórter do Versus. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Técnico Grey deixa Flamengo e mostra desconfiança com novo projeto do time
League of Legends

LoL: Técnico Grey deixa Flamengo e mostra desconfiança com novo projeto do time

Head coach ficou pouco mais de um ano na equipe
Beatriz Coutinho
LoL: Falkol anuncia contratação Chawy como técnico
League of Legends

LoL: Falkol anuncia contratação Chawy como técnico

Coach jogou pela Taipei Assassins, ahq eSports e HK Attitude
Matheus de Lucca
LoL: All-Star 2019 teve a menor audiência desde 2016
League of Legends

LoL: All-Star 2019 teve a menor audiência desde 2016

Pico de audiência não alcançou os 300 mil espectadores simultâneos
Lucas Hagui