League of Legends

LoL: Flamengo atropela T Show e enfrenta IDM Gaming na final do Circuito Desafiante

#GOFla!
@helenavnogueira
Escrito por
Helena Nogueira
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Flamengo está classificado para a grande final do primeiro split do Circuito Desafiante 2018. Em uma semifinal aquecida, a equipe dominou a série e venceu a T Show por 3 a 1 na noite desta quinta-feira (29). Com a vitória, o rubro negro disputa o título com a IDM Gaming no sábado (31).

Leia mais:

1/4
Picks e bans da primeira partida. Foto: Reprodução
Picks e bans da primeira partida. Foto: Reprodução
Pick e bans da segunda partida. Foto: Reprodução
Pick e bans da segunda partida. Foto: Reprodução
Picks e bans da terceira partida. Foto: Reprodução
Picks e bans da terceira partida. Foto: Reprodução
Picks e bans da quarta partida. Foto: Reprodução
Picks e bans da quarta partida. Foto: Reprodução

A primeira partida começou com o Flamengo avançando à todo vapor. Chamando os adversários para team fights, em que saia dominante, a equipe rubro-negra teve o jogo na mão desde o primeiro abate.

Resistindo ao atropelo, a T Show tentou levar o primeiro barão mas teve o mesmo roubado pela Cassiopéia de Thúlio “sirT” Carlos, que ficou com o MVP. A vantagem em ouro logo se tornou gritante e o avanço incisivo do Flamengo não pode ser contido: GG aos 34 minutos.

Ainda em ritmo acelerado, a equipe de Felipe “brTT” Golçalves abriu o segundo confronto da série com gank na rota do topo, dessa vez nas mãos do coreano Park “Jisu” Jin-cheol. Na defensiva, os bodes passaram a evitar as iniciações mas, sem evoluir nos objetivos, ficou em desvantagem.

Com wards espalhadas e um número crescente de kills, o Flamengo avançou sem freio para a base e derrubou o Nexus aos 37 minutos de jogo.

A terceira de série, porém, não veio barato: sob pressão, a T Show se recompôs e abriu o placar com dois abates na rota do meio. João “Zuao” Vitor Moraes passou a rotacionar o mapa e comandar as iniciações, castigando o rubro negro.

Provocada, a T Show passou a atacar fervorosamente, tomando a posse do destino da partida. Aos 23 minutos, a equipe levou o primeiro barão com um ace. Dominando em ouro e kills, os bodes levaram o segundo barão e a base adversária não foi páreo ao avanço. Vitória aos 40 minutos.

Os bodes entraram pela quarta vez no Summoner's Rift revigorados pela vitória. Conquistando o first blood na rota inferior, a equipe manteve o desempenho do confronto anterior.

Próximos confrontos

Sábado (31/03) - Grande final

13h - Ilha da Macacada Gaming contra Flamengo eSports

Helena Nogueira é repórter do Versus. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
Liga dos Surdos anuncia terceira edição de torneio de LoL
League of Legends

Liga dos Surdos anuncia terceira edição de torneio de LoL

Campeonato começa em 8 de agosto
Beatriz Coutinho
Quem é Samira, possível próxima campeã do LoL?
League of Legends

Quem é Samira, possível próxima campeã do LoL?

Saiba mais sobre as informações vazadas até o momento
Beatriz Coutinho
Guia TFT: Todas as combinações de itens do Conjunto 3 de Teamfight Tactics
Teamfight Tactics

Guia TFT: Todas as combinações de itens do Conjunto 3 de Teamfight Tactics

Saiba como usar os componentes para formar builds em Galáxias
Lucas Hagui