League of Legends

LoL: Em série disputada, INTZ vence PaiN por 3 a 2 e conquista Superliga ABCDE 2018

Clássico encerrou o ano competitivo do LoL no Brasil
@jairo.junior
Jairo Junior
é reporter no Versus.
Foto: Badboy Leeroy/Reprodução
Foto: Badboy Leeroy/Reprodução

Cerca de dois meses depois de muita disputa, a Superliga ABCDE 2018 de League of Legends finalmente conheceu seu campeão. A grande final aconteceu neste domingo (23), no clássico brasileiro de PaiN vs INTZ - o famoso PAINTZ. O confronto aconteceu em uma série melhor de cinco (MD5) e encontrou seu fim apenas no último jogo, com o placar de 3 a 2 a favor dos Intrépidos.

Leia mais:

As Escalações:

PaiN

Marcelo "Ayel" Mello - Topo

Gustavo "Minerva" Alves - Selva

Thiago "TinOwns" Sartori - Meio

Pedro "Matsu" Gama - Atirador

Eidi "esA" Yanagimachi - Suporte

Thiago "Djokovic" Maia - Técnico

INTZ

Rodrigo "Tay" Panisa - Topo

Diogo "Shini" Rogê - Selva

Bruno "Envy" Farias - Meio

Guilherme "Mills" Conti - Atirador

Ygor "RedBert" Freitas - Suporte

Lucas "Maestro" Pierre - Técnico

O Confronto:

Primeira partida

Equilíbrio é a palavra que resume o primeiro encontro entre PaiN e INTZ na Superliga. A equipe Rubro-Negra começou agredindo bastante - principalmente na botlane - e buscou seu espaço por lá e em todo mapa. O próprio Dragão era um buff exclusivo deles. Ainda assim, da maneira que podia, os Intrépidos respondiam, se mantinham a frente do ouro e não davam espaço para seus oponentes criarem uma vantagem. No final, apesar da PaiN ter ditado o ritmo de jogo, foi a INTZ que venceu as lutas finais e encontrou um Nexus completamente exposto para abrir o placar da série.

Segunda partida

O segundo jogo foi uma espécie de Déjà vu da partida anterior. A PaiN continuou com sua estratégia de propor um ritmo específico, mas a INTZ estava sempre preparada para responder - seja em uma luta ou em uma defesa. Apesar do equilíbrio que se mantinha, em nenhum momento os Intrépidos perdiam o controle do embate. No final do jogo, apesar da força dos carrys da PaiN (Matsu e TinOwns), o combo da Cassiopeia e do Alistar (Mills e RedBert) era implacável e novamente a INTZ não teve problemas na última para cravar os 2 a 0 na série MD5.

Terceira Partida

Ao contrário do que vinha acontecendo anteriormente, o terceiro confronto começou de uma forma muito mais estudada em ambos os lados. Afinal, este poderia ser o último. Tudo permaneceu relativamente calmo até os 30 minutos, quando os times começaram a trocar farmas, mas sem se expor demais. Aos 35 minutos, finalmente a briga aconteceu e a PaiN garantiu a vantagem que precisava para tomar a frente. Os acontecimentos continuaram extremamente emocionantes até o fim, quando a as bases foram atacadas até o fim, mas o time da tradição levou a melhor e respirou na série, que marcava 2 a 1.

Quarta Partida

A quarta partida se mostrou o jogo mais dominante de toda a melhor de cinco. Apesar da primeira eliminação ter demorado para acontecer - apenas aos 18 minutos - foi a partir dela que a PaiN começou a capitalizar uma atras da outra até o fim. A INTZ por mais que tentasse, não soube lidar com seus adversários, que prevaleceram de uma forma limpa e fatal, finalizando este duelo antes dos 30 minutos.

Quinta Partida

No quinto e último jogo, foi a vez dos Intrépidos tomarem as primeiras atitudes e abrir a contagem de abates. Em dado momento a PaiN conseguiu responder na mesma moeda, mas aos 28 minutos a INTZ venceu uma luta onde capitalizou quatro abates, o Barão e não teve nenhum abate. A partir disso, Mills e companhia começaram as últimas torres da PaiN, conseguiram pegar os carregadores adversários e marcharam rumo a base Rubro-Negra e ao seu bi-campeonato para cravar 3 a 2 na série.

Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.

Tags Relacionadas
League of LegendsMOBA
Mais notícias
LoL: Livro Reinos de Runeterra será lançado no Brasil com bônus de pré-venda
League of Legends

LoL: Livro Reinos de Runeterra será lançado no Brasil com bônus de pré-venda

A pré-venda já começou na Amazon!
Jairo Junior
CBLoL: Docil deixa equipe de transmissão da liga
League of Legends

CBLoL: Docil deixa equipe de transmissão da liga

Ele segue na Riot Games, mas agora em outra função
Jairo Junior
LoL: Perkz e Caps trocam de posição para disputar 1º split da LEC 2020
League of Legends

LoL: Perkz e Caps trocam de posição para disputar 1º split da LEC 2020

G2 e seus truques
Beatriz Coutinho