League of Legends

LoL: Dragon Gate ameaça processar Garena por punição da LMS

Organização assume que existe interesses pessoais da Garena por trás da ação, mas um jogador realizou denuncias com mais provas
@iugahtk
Lucas Hagui
escreve para o Versus.
Foto: Garena LoL Esports/Reprodução
Foto: Garena LoL Esports/Reprodução

Os problemas relacionados à punição da Dragon Gate na League of Legends Master Series (LMS) parecem inacabados. A equipe taiwanesa está ameaçando processar a Garena (organizadora do campeonato) por tomar medidas "sem provas concretas" e de supostamente beneficiar a SuperEsports, equipe que jogaria a Série de Promoção do torneio contra a Dragon Gate.


Enquanto isso, o jogador Huang "2188" Jin-Long, topo da line-up acusada de combinar resultados de partidas, postou algumas provas para oferecer maior embasamento da denúncia.


Leia mais:


De acordo com tradução realizada pela VPEsports, a Dragon Gate escreveu uma carta na rede social Weibo informando que tomará ações legais contra a Garena caso não receba a vaga da LMS de volta no período de três dias, além de um pedido de desculpas públicas.

O time também alega que não há provas suficientes para a punição e que eles usaram um termo muito abrangente para uma punição tão rigorosa. Outro agravante de acordo com a carta aberta é que eles acusaram uma ligação direta da Garena com a SuperEsports - assim, com o banimento, a SuperEsports ganhou vaga direta sem sequer jogar a Série de Promoção.

Além disso, a Dragon Gate comenta como a SuperEsports não poderia entrar no torneio, já que é dirigida pela Super Esports Co. Ltd e AHQ ESPORTS CO., gerando irregularidades nas regras, já que a ahq e-Sports Club já está na liga principal.

Com todas estas informações, a Dragon Gate está pedindo mais transparência no caso - principalmente considerando a ligação entre SuperEsports e Garena.

Fotos da carta enviada pela Dragon Gate explicando o caso. | Foto: VPEsports/Reprodução
Fotos da carta enviada pela Dragon Gate explicando o caso. | Foto: VPEsports/Reprodução

Mas o caso não para por aí, pois o jogador do topo da Dragon Gate, Huang "2188" Jin-Long, postou um grande texto no Facebook com todas as informações que ele possuía a respeito da manipulação dos resultados de sua própria equipe.

De acordo com a tradução feita por um usuário do Reddit, o pro player declarou que deixaram o atirador Liu "Soul" Kai no banco de reservas por ele não aceitar perder os jogos propositalmente por US$ 750 (5 mil RMB, ou cerca de R$ 2,9 mil na conversão atual).

O jogador 2188 ainda disse que se reuniu com Soul para ver as screenshots das conversas do atirador, calculando que uma derrota da Dragon Gate poderia gerar dinheiro suficiente para uma compra de vaga na LMS.

Por fim, ele agradece ao jogador Soul por ajudá-lo a denunciar isso e trazer as provas, pois isso expõe demais sua imagem, além de colocar a segurança dele em risco.

Esse caso está cada vez mais complexo e complicado. Por hora, resta apenas esperar uma nota oficial da Garena, responsável pela organização da LMS em Taiwan, com mais informações.



Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
Legends of Runeterra: Romance de Garen e Katarina é confirmado com interação
Legends of Runeterra

Legends of Runeterra: Romance de Garen e Katarina é confirmado com interação

Achávamos que a Riot tinha desistido dessa ideia
Matheus Oliveira
TFT: Novos campeões, classes e origens do conjunto 2 são revelados
Teamfight Tactics

TFT: Novos campeões, classes e origens do conjunto 2 são revelados

Confira aqui todos os anúncios das novas atualizações de Teamfight Tactics
Helena Nogueira
Mundial de LoL: 2,682 jogadores previram corretamente o Bolão da Fase de Grupos
League of Legends

Mundial de LoL: 2,682 jogadores previram corretamente o Bolão da Fase de Grupos

Quantos pontos você acumulou?
Matheus Oliveira