League of Legends

LoL: Djoko foi colocado à venda pela Pain Gaming, dizem fontes

Será que a organização está pronta para dar adeus a seu técnico?
Djogo atua pela paiN desde abril de 2018. | Foto: Riot Games/Reprodução
Djogo atua pela paiN desde abril de 2018. | Foto: Riot Games/Reprodução

Após a vitória no Circuito Desafiante e reentrada no Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), a equipe da paiN Gaming pode estar próxima de dar adeus ao técnico Thiago "Djokovic" Maia, que aparentemente foi colocado à venda, segundo fontes próximas ao Versus.

Leia mais:


Em abril, a paiN venceu o 1º split do Circuito Desafiante e garantiu seu retorno ao CBLoL após passar duas temporadas no Circuitão.

Djoko entrou como técnico na paiN em abril de 2018, levou a equipe ao vice-campeonato do segundo split do Circuito naquele ano, mas teve a entrada no CBLoL impedida pela INTZ na Série de Acesso.

Já em 2019, Djoko ajudou a paiN a conquistar uma boa campanha, terminando a primeira temporada da competição com 13 vitórias e apenas duas derrotas, além de vencer contra a Team oNe nas finais por 3 a 0 em uma série melhor de cinco e voltar à elite brasileira do "Lolzinho"

Se outros rumores envolvendo a organização se concretizarem, como a chegada de Felipe "Yang" Zhao, a line-up da equipe de LoL será:

  • Felipe "Yang" Zhao - Topo
  • Marcelo "Ayel" Mello - Topo
  • Gustavo "Minerva" Alves - Caçador
  • Thiago "Tinowns" Sartori
  • Pedro "Matsu" Gama
  • Eidi "esA" Yanagimachi

Djoko está presente no cenário competitivo de LoL desde 2013, jogando por equipes de renome como INTZ. Em 2014 ele trocou de função, quando começou atuar como técnico pela CNB, com passagens pela Vivo Keyd e ProGaming.


Matheus Oliveira é redator do Versus. Siga-o no Twitter.