League of Legends

LoL: Com propriedade, Rebirth vence Kabum no Rift Rivals; CbLoL está classificado para a final

Mesmo com o resultado, CBLoL está classificado para final do torneio
@iugahtk
Lucas Hagui
escreve para o Versus.
Imagem: Reprodução/Riot Games
Imagem: Reprodução/Riot Games

Com a vitória sobre a Infinity no segundo dia do Rift Rivals, a Kabum E-Sports continuou sua jornada na "Libertadores de League of Legends" e perdeu para a equipe sul-americana Rebirth. Ainda assim, as equipes do CBLoL (Vivo Keyd e Kabum) estão garantidas na final do torneio.

Leia mais:

A partida decisiva começou bem para a Kabum, porém os chilenos e argentinos não se abateram, e pouco a pouco conseguiram vantagem com foco em abates e objetivos.

Quando o jogo parecia ir muito bem para a Rebirth, os brasileiros garantiram lutas favoráveis e conseguiram se segurar nos campos de justiça, chegando a uma pequena diferença de ouro.

Se redimindo das últimas atuações no torneio, os sul-americanos conseguiram destruir o Nexus da Kabum antes dos 30 minutos de partida, garantindo a primeira vitória da equipe no Rift Rivals.

Mesmo com a derrota, os times do CBLoL estão classificados para a final por conta das boas atuações da região, que contou com a representação da Vivo Keyd e Kabum.



Siouxsie Rigueiras é jornalista e main suporte do Versus, siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Riot envia cartas escritas à mão para jogadores com Honra 5
League of Legends

LoL: Riot envia cartas escritas à mão para jogadores com Honra 5

Comemorando o aniversário de 10 anos de League of Legends
Matheus Oliveira
LoL: Suporte criado por fã seria o pesadelo da rota inferior
League of Legends

LoL: Suporte criado por fã seria o pesadelo da rota inferior

As'Fa, a Soberana da Tempestade, é uma arraia gigante de Shurima
Helena Nogueira
Legends of Runeterra: Decks usados por streamers brasileiros no card game do LoL
Legends of Runeterra

Legends of Runeterra: Decks usados por streamers brasileiros no card game do LoL

Inspire-se em Mit, Ness e mais personalidades do cenário para arrasar nas partidas
Matheus Oliveira