League of Legends

LoL: Atualização 10.6 traz rework do Wukong, balanceamento do autofill e mais

Aphelios e Senna receberam nerfs; Veigar foi buffado
@biaacoutinhoo
Escrito por
Beatriz Coutinho

Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução

O patch 10.6 de League of Legends (LoL) já está disponível nos servidores do game e trouxe diversas novidades, como o rework do campeão Wukong, o balanceamento do preenchimento automático, nerfs para Aphelios e Senna e buffs para Veigar e mais. Veja neste artigo as principais mudanças.

Leia mais:

Rework do Wukong

1/5
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução

Balanceamento do preenchimento automático

De acordo com a Riot, agora, o gerenciamento de partidas da fila solo/duo agora tem menos chance de criar partidas em que as equipes não tenham o mesmo número de jogadores de preenchimento automático.

"Todos nós sabemos que é bem desagradável ter um (ou dois) jogadores de preenchimento na equipe quando todos os oponentes estão jogando em suas posições de preferência. Com essa mudança, permitiremos que o sistema demore um pouco mais criando a partida para que ambas as equipes tenham jogadores de preenchimento (ou, quando possível, para que nenhuma das duas os tenha). Como não podemos nos livrar do preenchimento automático sem fazer o tempo de fila explodir, essa alteração deve pelo menos tornar as partidas com jogadores de preenchimento mais justas".

Nerfs

Aphelios

  • Severum, a Pistola Foice: Inato - Cura ressurgente: 8% - 25% (nos níveis 1 a 18) do dano causado ⇒ 3% - 20% (nos níveis 1 a 18) do dano causado
  • Infernum, o Lança-chamas: Inato - Dano incendiário em área de ação contra tropas: 45% (no nível 9) do dano em área de ação ⇒ 30% (no nível 9) do dano em área de ação
  • Crescendum, o Chakram: Dano de ataque fortalecido do Chakram: 30% - 173% do Dano de Ataque total ⇒ 24% - 164% do Dano de Ataque total

Senna

"No momento, a Senna suporte está forte demais, principalmente quando enfrenta tanques defensivos. Reduziremos o valor e o ritmo das Almas para que ela não agrida seus oponentes constantemente, algo que consegue fazer com uma frequência maior ainda quando conta com um tanque para protegê-la."

Passiva: Absolvição

  • Dano de ataque por alma: 1 ⇒ 0,75
  • Tempo de Recarga de Inato - Alma Enfraquecida: 4s ⇒ 6/5/4s (nos níveis 1/6/11)

Buffs

Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução

Um dos campeões que recebeu melhorias foi Veigar, que ganhou uma nova skin: Veigar Cosplay de Ranzinzim.

Atributos base

  • Dano de ataque: 50,71 ⇒ 52
  • Crescimento de dano de ataque: 2,625 ⇒ 2,7
  • Armadura: 22,55 ⇒ 23

Golpe Maligno (Q)

  • Dano base: 70/110/150/190/230 ⇒ 80/120/160/200/240

Uma série de outros campeões foram buffados, incluindo Draven, Hecarim, Kayn e Kindred. Para ver todas as mudanças, acesse as notas da atualização no site oficial de League of Legends.

Assista ao vídeo acima para aprender tudo sobre gerenciamento de rota, ou controle de wave, conceito bastante importante em League of Legends.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
Perfil: Froskurinn e a luta para tornar o mundo dos esports um lugar melhor
League of Legends

Perfil: Froskurinn e a luta para tornar o mundo dos esports um lugar melhor

Conheça a carreira e a trajetória da comentarista até os holofotes da LEC
Helena Nogueira
Lillia é a nova campeã de LoL, indica arquivo do PBE
League of Legends

Lillia é a nova campeã de LoL, indica arquivo do PBE

É possível que jogadores possam adquiri-la gratuitamente
Matheus de Lucca
Guia TFT: Melhores composições e sinergias do Conjunto 3 de Teamfight Tactics
Teamfight Tactics

Guia TFT: Melhores composições e sinergias do Conjunto 3 de Teamfight Tactics

Saiba quais campões e combos priorizar para ficar em 1º nas partidas de Galáxias
Matheus Oliveira