League of Legends

LoL: Aprenda como usar a Sona AP para destruir a SoloQ mais próxima de você

Conversamos com Atlanta, da Havan Liberty, para entender essa combinação
@iugahtk
Lucas Hagui
escreve para o Versus.
Foto: Lucas Takashi/Montagem
Foto: Lucas Takashi/Montagem

Uma escolha inusitada que está aparecendo no cenário competitivo de League of Legends é a Sona na rota inferior que, ao lado de Taric, consegue fazer pressão nas principais escolhas de atiradores do meta atual. O Versus conversou com o pro player Guilherme "Atlanta" Matos, da Havan Liberty, para explicar como usar esse pick tão diferente.

Leia mais


A origem do conceito

O primeiro ponto são os itens da árvore Ladrão Arcano, que oferecem ouro ao acertar um inimigo. O jogador da organização norte-americana Clutch Gaming Heo "Huni" Seung-hoon popularizou a estratégia "0 farm", a qual ele executou com Zilean na rota superior durante a LCS (LoL Championship Series).

Basicamente, a tática consiste em não deixar o inimigo farmar, enquanto o jogador recebe ouro passivamente pelo ataque básico com o bônus do Ladrão Arcano e Cleptomancia, uma runa da árvore Inspiração, que dá dinheiro bônus nos próximos dois auto ataques após o campeão utilizar uma habilidade, além da chance de ganhar itens especiais que dão dano extra temporário, cura, visão e mais.

Depois da atualização 9.3, o Ladrão Arcano requer um aliado por perto para conceder ouro. Isso mudou completamente a estratégia explicada acima e viabilizou o combo de Sona e Taric na rota inferior. A Mestra das Cordas utiliza da mesma mecânica, mas com a ajuda de Taric para oferecer proteção e receber ainda mais grana com o Escudo do Relicário.

A aplicação

Conversamos com o pro player Atlanta, responsável por executar a estratégia com Leonardo "Gyeong" Oliveira na Havan Liberty. Atlanta obteve o melhor desempenho com a campeã competitivamente em questão de dano causado e cura realizada, principalmente se comparado com os números dos jogadores das outras ligas que fizeram a mesma escolha.

Tudo começou quando eles viram essa combinação em uma partida da Turkish Champions League (TCL) nas mãos da 1907 Fenerbahçe e perceberam sua eficácia. Além disso, como Atlanta já jogava de Sona e Gyeong de Taric, eles decidiram testar a ideia nas filas ranqueadas um dia antes do jogo decisivo contra a Falkol no Circuito Desafiante.

Após algumas boas partidas nas ranqueadas, eles levaram o combo para scrims (treino fechado contra equipes profissionais) e depois o aplicaram novamente, dessa vez contra a Falkol na partida do Circuitão.

Na fase de rotas, a dupla aproveita dos itens de suporte para se manter igualada em ouro, enquanto nega o farm adversário.

"No começo a Sona não farma, porque ela está de Cleptomancia e o item de suporte, então o ouro inicial ela conquista pelo poke e o ataque básico, ativando os efeitos do Ladrão Arcano. Enquanto isso o Taric vai farmando, ou seja, o ouro que a Sona perde o Taric ganha com o farm dele", diz Atlanta.

A composição ganha muita força ao longo do jogo, pois "a Sona escala muito bem com apenas dois itens e nível 11", chegando a causar muito dano no late game, "o que as pessoas subestimam bastante", complementa o meio da Havan. Além disso, a dupla tem muita utilidade, "com cura, velocidade de movimento, dano" e os escudos de Taric, que fornecem sobrevida para que a Mestra das Cordas faça seu trabalho.

Na hora dos picks e bans na partida contra a Falkol, Atlanta disse que a Orianna aparecer cedo no draft foi um ponto crucial, pois o Lucian é bom contra ela e isso deu a oportunidade de encaixar Sona e Taric na composição.

Um fato curioso é que Atlanta e Gyeong têm um meme interno com a Sona, pois ela faz um barulho engraçado quando é banida e que eles adoram. Assim, eles não hesitaram ao ver uma oportunidade de jogar com uma campeã que tanto gostam.

Situações importantes

Analisando todas as vezes que a dupla apareceu, existem alguns pontos que mostram que ela não pode ser escolhida às cegas.

A primeira situação é, que em todos os casos, Sona e Taric apareceram no lado azul como as últimas opções de escolha. Isso acontece porque você precisa ter em mente a composição inimiga antes de revelar um dos personagens - evitando a chance de ter um deles banido, counterado ou escolhido pelo adversário.

Além disso, ambos possuem vantagem contra composições de forte iniciação, pois a Sona consegue usar o atordoamento em área para impedir que um aliado morra no começo da luta, enquanto Taric já prepara a ultimate para entrar em combate invulnerável. No entanto, isso pode ser o contrário contra composições de poke, em que raramente os inimigos se agrupam em um só local ou possuem maior alcance, inibindo atordoamentos.

1/3
Picks e bans na partida da 1907 Fenerbahçe | Foto: Gamepedia/Reprodução
Picks e bans na partida da 1907 Fenerbahçe | Foto: Gamepedia/Reprodução
Picks e bans na partida da Havan Liberty | Foto: Gamepedia/Reprodução
Picks e bans na partida da Havan Liberty | Foto: Gamepedia/Reprodução
Picks e bans na partida da TSM Academy | Foto: Gamepedia/Reprodução
Picks e bans na partida da TSM Academy | Foto: Gamepedia/Reprodução

A segunda é a necessidade de realocar a fonte de dano físico (AD) para outra rota, para manter uma alta saída de dano em todas as fontes. Na Fenerbahçe os picks foram Irelia e Kindred, a TSM Academy escolheu Jayce e Irelia e, por fim, a Havan Liberty optou pelo Lucian no meio.

Conclusão

Essa combinação é extremamente forte e balanceada, mas precisa ser escolhida com muita cautela durante os picks e bans para não revelar a estratégia muito cedo. Mesmo com tantos pontos positivos, é importante equilibrar a equipe e incluir uma fonte de dano físico em outra rota para manter a pressão de dano em duas fontes diferentes, dificultando a vida do tanque inimigo.

Vale apontar que essa sinergia parece funcionar apenas com Sona e Taric, pois outros suportes com cura, tais como Bardo e Nami, possuem um alcance limitado, menor utilidade (em questão de buffs) e um dano menor.

Será que veremos essa dupla aparecendo mais vezes no cenário competitivo? Se depender de Atlanta e Gyeong, a Sona aparecerá, e muito, em Summoners Rift.



Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Streamer Macaiyla tem conta permanentemente banida por toxicidade
League of Legends

LoL: Streamer Macaiyla tem conta permanentemente banida por toxicidade

Jogadora foi comparada ao namorado Tyler1
Beatriz Coutinho
LoL: Djoko deixa comissão técnica da Pain Gaming
League of Legends

LoL: Djoko deixa comissão técnica da Pain Gaming

O head coach estava com a equipe desde abril de 2018
Matheus Oliveira
Legends of Runeterra: Atualizações para novo período de testes são divulgadas
Legends of Runeterra

Legends of Runeterra: Atualizações para novo período de testes são divulgadas

O jogo de cartas de LoL estará disponível novamente na próxima quinta-feira (14)
Jairo Junior