Overwatch

Liga Overwatch: Dallas Fuel dispensa pro player após episódios de racismo e homofobia

Outros jogadores do torneio também receberam punições
@beatriz.coutinho
Beatriz Coutinho
é reporter no Versus.
© Reprodução
© Reprodução

No domingo (11), a Dallas Fuel - equipe que disputa a Liga Overwatch - anunciou que o pro player Félix "xQc" Lengyel não faz mais parte de seu time.

Leia mais:

De acordo com a Dallas Fuel, o contrato do jogador com a equipe terminaria somente após o final da temporada inaugural da Liga Overwatch, mas foi rompido em mútuo acordo por ambas as partes.

"Ninguém quer tanto que o Félix tenha sucesso quanto nós e acreditamos que ele tem um futuro brilhante pela frente. Quero agradecê-lo por seu tempo no time e paixão que trouxe à Dallas Fuel.", afirmou Mike Rufail, dono da organização.

Na sexta-feira (9), o jogador havia sido punido - com multa de US$ 4 mil e suspensão de quatro jogos - por usar repetidamente um emote racialmente ofensivo durante uma transmissão do torneio, além de ter ofendido casters e jogadores da competição.

Em janeiro de 2018, o jogador já havia sido punido por comportamento tóxico, quando fez um comentário homofóbico sobre Austin "Muma" Wilmot - pro player da Houston Outlaws.

Timo “Taimou” Kettunen

Além de xQc, outro jogador da Dallas Fuel, Timo "Taimou" Kettunen, foi punido na sexta-feira (9).

O pro player foi multado em US$ 1 mil por ter feito insultos homofóbicos em sua stream pessoal.

Bia Coutinho é redatora no Versus. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
Overwatch
Mais notícias
Overwatch: Action figure da Widowmaker é tudo o que você precisava e não sabia
Overwatch

Overwatch: Action figure da Widowmaker é tudo o que você precisava e não sabia

Assaltando a própria carteira em 3,2,1...
Beatriz Coutinho
Overwatch: Skins do evento de Ano Novo Lunar 2020 estão disponíveis
Overwatch

Overwatch: Skins do evento de Ano Novo Lunar 2020 estão disponíveis

Obtenha os novos visuais até 5 de fevereiro
Matheus de Lucca
Lowkey Esports deve mais de R$ 561 mil em salários e outros pagamentos atrasados, segundo site
Esports

Lowkey Esports deve mais de R$ 561 mil em salários e outros pagamentos atrasados, segundo site

Apuração do TheScore Esports mostrou que organização não paga jogadores e funcionários desde outubro de 2019
Helena Nogueira