Legends of Runeterra

Legends of Runeterra seguirá modelo de rotação com expansões

O jogo de cartas de LoL contará com rotatividade no futuro
@_matheusF23
Escrito por
Matheus Oliveira

Foto: Riot Games/Reprodução
Foto: Riot Games/Reprodução

Legends of Runeterra (LoR), o jogo de cartas baseado no universo de League of Legends (LoL), seguirá o modelo de expansões, com eventual rotação de coleções, segundo a Riot Games.

Leia mais:

De acordo com declarações de Andrew “Umbrage” Yip, diretor de design de Legends of Runeterra, haverão novas expansões e o sistema de rotação de coleções será semelhante ao de títulos da concorrência, com novas cartas surgindo e antigas saindo:

“Inevitavelmente iremos rotacionar. Acredito que a questão mais crítica é como iremos dar suporte a modos de jogo que envolvam ‘todas as cartas’. Ainda está a ser definido”, diz o tuíte.

Modelos semelhantes são vistos nos principais títulos da concorrência, como Magic: The Gathering Arena (que recebeu o modo Histórico) e Hearthstone (que possui o modo Wild, no qual todas as cartas podem ser usadas).

Ainda é cedo para imaginar qual rumo o game irá tomar, afinal, o jogo de cartas ainda está apenas em sua fase beta aberto, ainda sem data para seu lançamento oficial. Saiba como fazer seu registro e jogar gratuitamente.

Ainda não jogou Legends of Runeterra? Então veja no vídeo acima os melhores decks budget para começar bem no game.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Mais notícias
Legends of Runeterra: A Viajante é a primeira personagem transexual do jogo
Legends of Runeterra

Legends of Runeterra: A Viajante é a primeira personagem transexual do jogo

"Me tornarei quem eu sempre quis ser"
Beatriz Coutinho
Legends of Runeterra: Taric e conjunto Chamado da Montanha chegam em 26 de agosto
Legends of Runeterra

Legends of Runeterra: Taric e conjunto Chamado da Montanha chegam em 26 de agosto

A região Targon chegou ao LoR
Beatriz Coutinho
Roberto Iervolino deixa comando da Riot Games Brasil
Mercado

Roberto Iervolino deixa comando da Riot Games Brasil

Após sete anos no cargo, Iervolino deixa a posição de country manager
Beatriz Coutinho