League of Legends

League of Legends é bloqueado do Irã e da Síria por restrições do governo dos EUA

Conflitos comerciais e políticos afetaram os jogadores de LoL
@iugahtk
Lucas Hagui
escreve para o Versus.
Foto: League of Legends/Reprodução
Foto: League of Legends/Reprodução

Os jogadores de League of Legends do Irã e da Síria acabaram sofrendo impacto dos conflitos políticos de seus países com os Estados Unidos, pois o game foi bloqueado em ambas as regiões por restrições comerciais do governo norte-americano.

Leia mais:


O caso ocorreu após um drone militar dos EUA ser derrubado em território iraniano. Por conta disso, o governo norte-americano aplicou um bloqueio de transações no Irã e na Síria, no qual LoL foi impactado justamente por ter microtransações online com as skins.

Após essa mudança, os jogadores recebem uma mensagem de aviso ao tentar entrar no jogo:

Mensagem que aparece na tela dos jogadores | Foto: Is The Message/Reprodução
Mensagem que aparece na tela dos jogadores | Foto: Is The Message/Reprodução

"Devido às leis e regulamentações dos EUA, jogadores de seu país não podem acessar League of Legends no momento. Essas restrições estão sujeitas a mudanças do governo e, quando isso acontecer, esperamos que você volte para o Rift."

Vale ressaltar que esse bloqueio aplicado pelo governo dos EUA está em vigor e não tem data prevista para término, já que os conflitos entre os Estados Unidos e Irã não se aproximam de uma resolução. Enquanto isso durar, os jogadores da Síria e do Irã não poderão jogar League of Legends.



Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Equipes poderão levar dois jogadores reservas para o Mundial, diz site
League of Legends

LoL: Equipes poderão levar dois jogadores reservas para o Mundial, diz site

Livro de regras do Worlds será publicado em 23 de setembro
Beatriz Coutinho
Jogadoras denunciam machismo e transfobia no GirlGamer Festival; BBL responde
CS:GO

Jogadoras denunciam machismo e transfobia no GirlGamer Festival; BBL responde

Regras abusivas impediram a participação de mulheres trans e foi exigido uso do PlaysTV
Matheus Oliveira
LoL: Shaco receberá rework em breve; mudanças devem chegar no patch 9.20
League of Legends

LoL: Shaco receberá rework em breve; mudanças devem chegar no patch 9.20

O plano é deixar as builds de dano físico e mágico igualmente viáveis
Helena Nogueira