Esports

Justiça exige prisão de ex-presidente da federação sul-coreana de eSports

Jeong Byung-Hun é acusado de corrupção
@biaacoutinhoo
Beatriz Coutinho
é reporter no Versus.
Jeong Byung-Hun | © Reprodução
Jeong Byung-Hun | © Reprodução

Procuradores do Ministério Público sul-coreano emitiram um mandado de prisão para Jeong Byung-Hun, ex-presidente da KeSPA, federação sul-coreana de eSports, segundo o Dot eSports.

Leia mais sobre eSports:

Byung-Hun e dois de seus ex-assessores são acusados de receber US$ 300 mil em propina, da empresa Lotte Homeshopping, rede de vendas sul-coreana, em 2015.

O dinheiro foi enviado para a conta bancária da KeSPA e de acordo com as apurações sobre o caso, seria usado para simplificar a renovação da licença de negócios da Lotte Homeshopping.

Os promotores do caso afirmam que o dinheiro foi removido da conta da KeSPA e familiares de Byung-Hun receberam diversos vouchers de compras da rede de vendas.

Em uma audiência do caso o ex-presidente da federação afirmou ser inocente. Ao se pronunciar sobre o caso, a KeSPA disse que o dinheiro não se tratava de propina, e que o valor do patrocínio era legal.

Bia Coutinho é redatora no Versus. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
Esports
Mais notícias
Pesquisa revela diferença entre visão de pro players e de jogadores amadores
Esports

Pesquisa revela diferença entre visão de pro players e de jogadores amadores

Profissionais são muito mais focados no alvo
Lucas Hagui
Sem apresentar fonte, campanha do Governo sugere que games online reduzem atividade cerebral
Esports

Sem apresentar fonte, campanha do Governo sugere que games online reduzem atividade cerebral

Vídeo faz parte de projeto do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos
Beatriz Coutinho
Bugha, SonicFox, Hafu e Ewok são destaques na lista 30 under 30 da Forbes
Esports

Bugha, SonicFox, Hafu e Ewok são destaques na lista 30 under 30 da Forbes

A lista destaca os 30 nomes com menos de 30 anos mais influentes do ano
Matheus Oliveira