Just Dance

Just Dance: “É emocionante ver meninas jogando entre si”, comenta Aynne sobre M.A.C. Challenge

Torneio latino-americano foi o primeiro a adotar a separação de modalidade feminina e masculina
@helenavnogueira
Escrito por
Helena Nogueira

Foto: Felipe Guerra/Ubisoft
Foto: Felipe Guerra/Ubisoft

O Just Dance (JD) M.A.C. Challenge, além de ser o primeiro torneio latino-americano fora do circuito oficial do game, definiu uma alteração importante que terá influência em futuros campeonatos: a separação dos competidores entre a modalidade feminina e masculina. Durante a final da etapa brasileira na CCXP 2019, o Versus conversou com Aynne Oliveira Paula, campeã da competição, que disse aprovar a mudança: “É emocionante ver meninas jogando entre si”.

Leia mais:

Aynne tem 18 anos e vive em Belo Horizonte (MG). Mesmo tendo jogado e treinado Just Dance por cerca de cinco anos, a estudante disputou sua primeira competição apenas em 2019.

A etapa mineira do M.A.C. Challenge foi a estreia da pro player no competitivo e, dessa forma, a final na CCXP foi a sua segunda vez em um campeonato. Aynne conta como conseguiu superar o nervosismo com o apoio das outras finalistas: “Na primeira partida, quando perdi para a Luciana, eu já queria desistir. A disputa foi bem tensa. São jogadoras muito fortes, todas elas. É a primeira vez que estou competindo JD, então está sendo difícil lidar com essa emoção de disputar campeonato. A segunda música, a que vinha em seguida...Sempre cometo erros nela. Eu estava nervosa, até que a Luciana veio até mim e me disse: ‘Tenta, você vai conseguir!’. E foi isso, fui e consegui. Estou me sentindo muito feliz com a vitória!”.

Para Aynne, a divisão do torneio em modalidade feminina e masculina foi certeira. “Gostei bastante [da implementação do campeonato feminino]. Prefiro essa separação. É mais confortável jogar contra outras meninas porque podemos conversar mais. Também acho que tem o fato de que não acho que ver menino competindo contra menina tem essa emoção. Para mim, é mais emocionante ver meninas jogando entre si”.

Foto: Felipe Guerra/Ubisoft
Foto: Felipe Guerra/Ubisoft

Durante a CCXP 2019, Bruna Soares, gerente de parcerias estratégicas e eventos na Ubisoft, explicou em entrevista ao Versus o porquê da mudança de formato: “O Just Dance M.A.C. Challenge significa pioneirismo para nós [Ubisoft]. Sempre tivemos campeonatos mistos, mas como usamos o kinect na competição, a gente percebeu que os homens evoluiam melhor na competição do que as meninas. Por isso, decidimos fazer um campeonato para as meninas - não para excluí-las ou para dividir os jogadores, pelo contrário. Nossa intenção é trazer mais meninas e dar mais representatividade para elas.”

A gerente indicou ainda que as novas modalidades serão modelo para as competições oficiais de 2020. “Não temos nada confirmado para o competitivo de 2020 ainda, mas uma novidade [para a próxima temporada] é a modalidade feminina. É um case que deve acontecer nos próximos campeonatos, o que na minha opinião é um grande avanço.”

O calendário competitivo de Just Dance em 2020 ainda não foi revelado. A única competição confirmada no momento de publicação desta matéria é a grande final do Just Dance M.A.C. Challenge, que acontece no mês de março em São Paulo (SP) e ainda não possui data ou local definidos. A decisão contará com representantes de seis países latino-americanos nas modalidades feminina e masculina.

Quer conhecer mais da história de Tarcísio, um dos brasileiros que se destacaram no último mundial de Just Dance? Veja o vídeo acima.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
Just Dance
Mais notícias
Just Dance: Final do M.A.C. Challenge é adiada por causa do coronavírus
Just Dance

Just Dance: Final do M.A.C. Challenge é adiada por causa do coronavírus

Evento aconteceria entre 20 e 21 de março em São Paulo (SP)
Helena Nogueira
Rainbow Six e Just Dance 2020 estão em promoção na Microsoft Store
Rainbow Six Siege

Rainbow Six e Just Dance 2020 estão em promoção na Microsoft Store

Corra para aproveitar pois é por tempo limitado!
Jairo Junior
Just Dance: Campeão brasileiro pede mais torneios para dar chance a novos talentos
Just Dance

Just Dance: Campeão brasileiro pede mais torneios para dar chance a novos talentos

Em 2019, jogo de dança contou apenas com quatro etapas do M.A.C. Challenge no Brasil
Helena Nogueira