Esports

Jogos Pan-Americanos de 2023 avaliam a entrada dos esports como modalidades

A proposta foi apresentada por David Lappartient, presidente da União Ciclística Internacional
@jairo.junior
Jairo Junior
é reporter no Versus.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Os Jogos Pan-Americanos de 2023, os quais acontecem em Santiago, no Chile, podem contar com os esportes eletrônicos como modalidades oficiais. A medida ainda não foi tomada, mas já é de conhecimento público que a proposta foi feita e está sendo avaliada.

Leia mais:

Segundo o site internacional Inside The Games, a ideia em questão veio do presidente da União Ciclística Internacional (UCI), David Lappartient. Ele abordou o assunto com o presidente da Panam Sports, Neven Ilic, que agora econtra-se estudando a possibilidade. O argumento utilizado foi de que a relação entre os Comitês Olímpicos e a comunidade de esports está cada vez mais estreita.

A adição de modalides eletrônicas não seria algo estranho para eventos deste tipo. Em 2018 os Jogos Asiáticos tiveram League of Legends, Pro Evolution Soccer, Starcraft II, Hearthstone, Clash Royale e Arena of Valor como parte do show. Estes no entanto, foram considerados mais como jogos demonstrativos.

No caso do LoL, foram entregues medalhas e tudo. Na grande final as potências China e Coreia do Sul se enfrentaram e os chineses levaram a melhor por 3 a 1 com direito a dia inspirado de Jian "Uzi" Zi-Hao da Royal Never Give Up.

Foto: chinadaily/Reprodução
Foto: chinadaily/Reprodução

Até mesmo nas Olimpíadas os esports são considerados. No entanto, ao contrário do que aparenta, a aproximação não é tão grande. O assunto ainda é tratado com cautela e o Comitê Olímpico Internacional (COI) ainda teme os "jogos violentos".

No momento os games que mais agradam ao COI são os que simulam esportes tradicionais - como FIFA, Pro Evolution Soccer e Gran Turismo. No entanto, o mais comentado durante um debate promovido nos Jogos de Inverno da Juventude 2020 foi o Zwift, um programa digital de treinamento físico de ciclismo - algo que foge e muito da realidade do mercado dos esports.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
Esports
Mais notícias
A falácia de que "videogame é coisa de menino"
Esports

A falácia de que "videogame é coisa de menino"

Conceito ainda permanece na cabeça de muitas pessoas no meio de jogos e esports
Helena Nogueira
Piticas é a nova patrocinadora da Pain Gaming
paiN Gaming

Piticas é a nova patrocinadora da Pain Gaming

Parceria terá duração de um ano
Beatriz Coutinho
100 Thieves inaugura gaming office de R$146 milhões
Mercado

100 Thieves inaugura gaming office de R$146 milhões

Veja o tour completo pela instalação da organização
Matheus Oliveira