Street Fighter

Graças à regulamentação, Japão poderá distribuir premiação em torneio de Street Fighter

O jogo de luta mais popular do mundo voltará ao seu país de origem
@_matheusf23
Matheus Oliveira
escreve para o Versus.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Graças à regulamentação vigente desde fevereiro deste ano, torneios no Japão podem dar grandes premiações aos competidores, e a primeira disputa que explora ao máximo as novas normas acontece ainda em 2018: a Tokyo Game Show sediará um campeonato de Street Fighter oficial da Capcom Pro Tour.

Leia mais:

De acordo com leis japonesas, competições de jogos eletrônicos não podem premiar o campeão com mais de ¥ 100 mil, aproximadamente R$ 3 mil, mas devido a licenças providas pela Japan eSports Union (JeSU), alguns pro players podem competir por quantias maiores.

Desde que a nova regulamentação sobre os eSports foi aprovada no país, diversos campeonatos foram criados e a Tokyo Game Show 2018 será o palco da mais nova aposta.

O campeonato fará parte da Capcom Pro Tour, circuito oficial de Street Fighter, distribuirá ¥10M - aproximadamente R$ 350 mil -, além de qualificar os oito mais bem colocados para o sistema de licenças.

A Tokyo Game Show 2018 acontece entre os dias 19 e 23 de setembro, em Tóquio, capital do Japão. Os jogos serão transmitidos nos canais oficiais Capcom Fighters no Youtube e Twitch.



Matheus Oliveira é redator do Versus. Siga-o no Twitter.

Tags Relacionadas
Street Fighter
Mais notícias
Street Fighter: Brasil é um dos selecionados para o Intel World Open 2020
Street Fighter

Street Fighter: Brasil é um dos selecionados para o Intel World Open 2020

As qualificatórias para o torneio começam em março
Beatriz Coutinho
Street Fighter 5 terá novo modo de torneios online em breve
Street Fighter

Street Fighter 5 terá novo modo de torneios online em breve

Várias novidades de Halloween também estão por vir
Matheus Oliveira
Street Fighter: Momochi perde mais de 85% da premiação por não ter licença de pro player
Street Fighter

Street Fighter: Momochi perde mais de 85% da premiação por não ter licença de pro player

O japonês recebeu apenas cerca de US$ 560 dos mais de US$ 46 mil do torneio da Tokyo Game Show
Beatriz Coutinho