Free Fire

Free Fire: Mãe e filho jogam juntos e reservam sábado para visitar a Pro League

Camila e Caique passam mais tempo juntos graças ao battle royale
@Foxer_JJ
Jairo Junior
é reporter no Versus.
Camila e Caique dos Santos, mãe e filho, aproveitando as finais brasileiras da Pro League Free Fire no Rio de Janeiro. Foto: Bárbara Gutierrez
Camila e Caique dos Santos, mãe e filho, aproveitando as finais brasileiras da Pro League Free Fire no Rio de Janeiro. Foto: Bárbara Gutierrez

O Free Fire é o maior sucesso mobile do Brasil. Milhares de jogadores já consideram o game uma das melhores formas de se divertir com seus amigos, mas outras pessoas já estão descobrindo que o battle royale também pode ser uma diversão em família - é o caso de Camila e Caique dos Santos, mãe e filho que reservaram o sábado (9) para curtir as finais brasileiras da Pro League de Free Fire.

Leia mais:

Camila tem 30 anos e trabalha como cabeleireira. Sua intenção nunca foi jogar o game de tiro mobile, mas de forma inesperada, ela descobriu que poderia passar ainda mais tempo com seu filho graças ao Free Fire: "Primeiro eu só queria saber como era o jogo, pois ele ficava até tarde jogando. Acabou que conheci, me apaixonei e hoje sou uma jogadora de Free Fire também."

O fato aconteceu há quase dois anos atrás. Caique, que tem apenas 10 anos, se interessou pelo battle royale ainda no beta e não parou mais de jogar. Sua mãe também não demorou e abraçou a febre dos celulares poucos meses depois.

Neste período, além de se tornar uma fã e jogadora de Free Fire, Camila também passou a ser a sensação dos amigos do filho: "Eu jogo bastante não só com o Caique, mas também com os amigos dele. Acho até que os meninos gostam mais de jogar comigo do que com ele [risadas], então às vezes ele reluta para me chamar pra jogar".

De acordo com a cabeleireira, ela até mesmo criou um plano para participar da jogatina com os meninos: "Eu compro o passe pra mim e, claro, ele também fica querendo. Nisso, a minha estratégia é falar: Eu compro se você jogar com a mamãe!", disse ela enquanto ria bastante.

Participar da Pro League foi o ápice para a mãe e o filho. Fã da Loud e principalmente de William "Will" Moura, Caique ficou monitorando a venda de ingressos desde o anúncio do campeonato. Quando as vendas começaram, ele correu e logo chamou sua mãe.

As finais presenciais brasileiras tiveram a presença maciça do público na Arena Carioca 1, dentro do Parque Olímpico no Rio de Janeiro. Foto: Bruno Alvares/Garena
As finais presenciais brasileiras tiveram a presença maciça do público na Arena Carioca 1, dentro do Parque Olímpico no Rio de Janeiro. Foto: Bruno Alvares/Garena

"Ele é muito mais ligado no competitivo do que eu, adora assistir e tem até sua guilda com os amigos... Mas o evento está maravilhoso! A experiência é ótima, nós adoramos os brindes e já tiramos várias fotos", finalizou Camila.

A final da 3ª edição Pro League de Free Fire acontece neste sábado (9), na Arena Carioca 1 do Parque Olímpico, no Rio de Janeiro. A competição está lotada de fãs, amigos, família e também já está batendo recordes nas transmissões online.

O evento também contou com a final presencial de Brazil Speed Drifters Championship 2019, no qual Nancy foi a grande campeã.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
Free FirePro League
Mais notícias
Free Fire: Evento de carnaval tem recompensas temáticas e fragmentos de cubo mágico
Free Fire

Free Fire: Evento de carnaval tem recompensas temáticas e fragmentos de cubo mágico

Skins, máscaras e mais podem ser adquiridos até o dia 28 de fevereiro
Helena Nogueira
Liga da Brasileira de Free Fire: Team Liquid garante duas vitórias e se mantém no topo da tabela
LBFF

Liga da Brasileira de Free Fire: Team Liquid garante duas vitórias e se mantém no topo da tabela

INTZ, BD Los Grandes e Vivo Keyd também emplacaram Booyahs
Helena Nogueira
Free Fire: App BOOYAH! distribuirá 50 mil diamantes em busca por novos talentos
Free Fire

Free Fire: App BOOYAH! distribuirá 50 mil diamantes em busca por novos talentos

Streamers com maior engajamento na plataforma receberão recompensas
Matheus de Lucca