Fortnite

Fortnite: Tfue encomenda teclado especial de R$ 14 mil

Você pagaria tudo isso em um teclado gamer?
@biaacoutinhoo
Beatriz Coutinho
é reporter no Versus.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Turner "Tfue" Tenney já participou da Copa do Mundo de Fortnite e está sempre mostrando sua habilidade no jogo por meio de suas streams. Para melhorar ainda mais na jogatina, o streamer comprou um teclado especial de US$ 3,5 mil, aproximadamente R$ 14,6 mil.

Leia mais:

Tfue encomendou um teclado da marca Taeha Types, empresa que produz teclados de luxo. O equipamento é bem menor do que os modelos convencionais, uma preferência de vários outros pro players e jogadores de Fortnite.

O teclado é azul e rosa, possui partes metalizadas, o nome de Tfue no canto direito e todas as teclas que contém letras possuem também o caractere japonês correspondente.

Confira abaixo:

Apesar de caro, o que está por trás desse valor é o próprio pedido de encomenda, já que é um produto personalizado, o custo de produção de todas as peças e muito mais.

Confira abaixo as fotos do teclado:

1/4
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução
Foto: Taeha Types/Reprodução

E aí, você pagaria o mesmo preço por algum teclado gamer? Conte para nós nos comentários.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Tags Relacionadas
FortniteTfue
Mais notícias
Fortnite: Evento FortFolia contém itens temáticos de Carnaval, prêmios e mais
Fortnite

Fortnite: Evento FortFolia contém itens temáticos de Carnaval, prêmios e mais

Partiu cair na folia!
Beatriz Coutinho
Funko Pop de Ninja pode ser lançado em breve
Ninja

Funko Pop de Ninja pode ser lançado em breve

Vazamentos indicam que a novidade chegará ainda no primeiro semestre
Beatriz Coutinho
Fortnite: Jogadores alegam que assistência de mira funciona através de estruturas
Fortnite

Fortnite: Jogadores alegam que assistência de mira funciona através de estruturas

Epic Games diz estar investigando inconsistências com o recurso
Matheus de Lucca