Fortnite

Fortnite: Epic Games processa youtubers por venda de códigos do game

Influenciadores terão que arcar com os danos causados
@helenavnogueira
Helena Nogueira
escreve para o Versus.
Foto: Epic Games/Reprodução
Foto: Epic Games/Reprodução

Na vida real, os trapaceadores de Fortnite não contam com moitas para se esconder. Na última quarta-feira (10), a Epic Games, desenvolvedora do battle royale, entrou com um processo contra os youtubers Brandon Lucas, do canal "Golden Modz", e Colton Conter por promoção e venda de códigos do jogo.

Leia mais sobre Fortnite:

Brandon e Colton vendiam cheats e os demonstravam em seus canais. Dentre os facilitadores que os youtubers comercializavam estava, por exemplo, a possibilidade de mirar e atirar automaticamente, sem a necessidade de clicar e posicionar o mouse.

Tendo conhecimento da infração dos youtubers, a Epic Games submeteu um processo de 35 páginas na última semana no estado da Carolina do Norte, nos Estados Unidos. O documento aponta que os influenciadores violaram o código estado-unidense de direitos autorais ao fazer uso de “práticas desonestas e enganosas de venda e competição”.

Com a ação judicial, Brandon e Colton estão “proibidos permanentemente de manter a conduta denunciada", seus lucros com os hacks serão "recolhidos" e os youtubers terão que arcar com o preço de "danos causados à Epic, preço dos advogados e custos relacionados à este processo". Não foi divulgado, porém, o valor total que os influenciadores terão que arcar com os danos causados.

Esta não é a primeira vez que a Epic Games processa jogadores pelo uso de códigos, portanto, é bom evitá-los. Em outubro de 2017, a desenvolvedora entrou com uma ação contra os responsáveis pelo site AddictedCheats, que comercializava hacks para Fortnite.



Helena Nogueira é repórter no Versus. Siga-a em @helenavnogueira.

Tags Relacionadas
FortniteComunidade
Mais notícias
Fortnite: Evento Fim do Mundo começa e leva BGS ao delírio
Fortnite

Fortnite: Evento Fim do Mundo começa e leva BGS ao delírio

Evento começou ao vivo na Brasil Game Show 2019
Beatriz Coutinho
Fortnite: Brasileiro Shinohara recria estande da BGS dentro do game
Fortnite

Fortnite: Brasileiro Shinohara recria estande da BGS dentro do game

Finalista do concurso de criadores comenta processo de criação
Beatriz Coutinho
Fortnite: Jogador não consegue atirar por causa de bug com emote de dança
Fortnite

Fortnite: Jogador não consegue atirar por causa de bug com emote de dança

Olha o karma pegando os jogadores brincalhões
Beatriz Coutinho