Street Fighter

EVO 2018: Brasileiro Didimokof é eliminado no primeiro dia de competição de Street Fighter V

Brolynho ainda está na disputa
@helenavnogueira
Helena Nogueira
escreve para o Versus.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira (3), Renato "Didimokof" Martins foi eliminado do torneio de Street Fighter V: Arcade Edition da EVO 2018 - o maior campeonato de jogos de luta do mundo.

Leia mais:

Didimokof estreou no campeonato com uma vitória contra Christopher "OHT-100PRESSION" Cabrimol, mas acabou sendo derrotado em seguida pelo coreano Sim "NL" Gun.

Com o resultado, o brasileiro caiu para a chave de perdedores, em que venceu três oponentes. Porém, pela decisão da tabela, Didimokof pegou NL novamente, sendo assim eliminado do campeonato.

Sonho brasileiro

Por mais que Didimokof esteja fora das disputas de SFV, o sonho brasileiro ainda não acabou. Na mesma modalidade de luta, Thomas "Brolynho" Proença representa o país e faz sua estreia na EVO a partir das 16h desta sexta-feira (3).

Em Injustice, Bruno Henrique "KillerXinok"de Sousa tentará permanecer no torneio nas semifinais da parte inferior da tabela. As partidas começam a partir das 18h no horário de Brasília.


Confira a transmissão dos jogos abaixo:


Siouxsie Rigueiras é jornalista e a ninja espanhola do Versus, siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
Street FighterEVO
Mais notícias
Street Fighter: Brasil é um dos selecionados para o Intel World Open 2020
Street Fighter

Street Fighter: Brasil é um dos selecionados para o Intel World Open 2020

As qualificatórias para o torneio começam em março
Beatriz Coutinho
Street Fighter 5 terá novo modo de torneios online em breve
Street Fighter

Street Fighter 5 terá novo modo de torneios online em breve

Várias novidades de Halloween também estão por vir
Matheus Oliveira
Street Fighter: Momochi perde mais de 85% da premiação por não ter licença de pro player
Street Fighter

Street Fighter: Momochi perde mais de 85% da premiação por não ter licença de pro player

O japonês recebeu apenas cerca de US$ 560 dos mais de US$ 46 mil do torneio da Tokyo Game Show
Beatriz Coutinho