Esports

Esports são contraditórios aos valores das Olimpíadas", diz presidente do Comitê Olímpico Internacional

Para Thomas Bach, os games "ainda têm um longo caminho a percorrer"
@_matheusF23
Escrito por
Matheus Oliveira
Foto: Christopher Mineses/Reprodução
Foto: Christopher Mineses/Reprodução

Não é a primeira vez que os holofotes são apontados para as discussões sobre esports nas Olimpíadas, mas segundo declarações do presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), a chegada dos games no evento ainda pode demorar.

Leia mais:

Mesmo após diversas disputas de esports no Jogos de Inverno Asiáticos, Thomas Bach, presidente do COI, afirmou que os games mostrados na ocasião não se adequam aos valores olímpicos, durante entrevista coletiva no encerramento do evento, no último sabado (1).

Referindo-se a títulos como League of Legends, Arena of Valor, Clash Royale, Hearthstone, Pro Evolution Soccer e StarCraft como "jogos de matar", Bach completou dizendo: "Nós [COI] não podemos ter no programa olímpico um jogo que promove violência ou discriminação."

Muitos países asiáticos já estão preparando-se para a chegada dos esports nos futuros anos em eventos como Olimpíadas, como acontece com o Japão, e discussões promovidas com diversos pontos de vista envolvidos, como o fórum sediado na Suíça no último mês de julho, mas para o presidente "esports que são sobre matar alguém, não podem fazer parte dos valores olímpicos."

Você acha que os esports deviam estar nas Olimpíadas? Diga nos comentários.

Matheus Oliveira é redator do Versus. Siga-o no Twitter.

Tags Relacionadas
EsportsComunidade
Mais notícias
China suspende eventos esportivos internacionais até o fim do ano
Esports

China suspende eventos esportivos internacionais até o fim do ano

Não fica claro se a medida também afeta competições de esports
Matheus de Lucca
Muito antes de Dota e LoL: a história dos MOBAs
League of Legends

Muito antes de Dota e LoL: a história dos MOBAs

Conheça outros games que inspiraram este gênero
Beatriz Coutinho
SonicFox decide não participar da EVO Online 2020
Mortal Kombat

SonicFox decide não participar da EVO Online 2020

Decisão aconteceu após o presidente do torneio ser acusado de assédio sexual
Beatriz Coutinho