League of Legends

Em série difícil, SKT vence Misfits e garante vaga nas semifinais do Mundial

Foi difícil, mas o império sul-coreano segue vivo
@biaacoutinhoo
Escrito por
Beatriz Coutinho
© Reprodução
© Reprodução

A equipe SK Telecom T1 é a segunda semifinalista do Mundial de League of Legends. Após vencer a Misfits por 3 a 2, em um grande duelo entre as equipes sul coreana e europeia, o time garantiu sua vaga na próxima fase do torneio que reúne os melhores do mundo.

Na primeira partida da série melhor de cinco jogos (md5) “Huni” e “Faker” garantiram o primeiro abate em cima de Alphari e ali começou a vitória da SKT. Indo atrás de controlar o jogo, procurando espaços e garantindo a imposição de sua estratégia, a atual campeã mundial perseguiu os europeus o tempo inteiro e não deu chance da Misfits vencer, destruindo seu Nexus aos 25 minutos.

Diferentemente da primeira partida, aqui a SKT demorou demais para aparecer e quem aproveitou essa brecha foi a Tristana de "Hans Sama". Os sul-coreanos escolheram uma composição que cresceria apenas mais tarde e como isso acabou não acontecendo, a Misfits tomou conta de Summoners Rift. Com ótimas rotações e um desempenho incrível do Blizcrank de "IgNar", a equipe europeia saiu na frente e também abusou dos erros de exposição da atual campeã mundial. Aos 26 minutos, a Misfits conseguiu o GG.

No terceiro jogo da série composições ousadas apareceram em Summoner's Rift, com Leona para a Misfits e Vayne para a SKT, e novamente a equipe europeia saiu na frente. Pela segunda vez os sul-coreanos viram a Tristana de "Hans Sama" crescer de forma incrível no jogo, ao lado da Leona de "IgNar" e o Ivern de "Maxlore". Grande, mas sem utilizar sua vantagem da forma correta, a Misfits quase perdeu a chance de vencer com o ligeiro crescimento da Vayne de "Bang", mas voltou para o jogo e após roubar um Barão, conseguiu o poder necessário para finalizar a partida.

O quarto jogo da série foi muito mais acirrado. Sem deixar a Tristana aberta para "Hans Sama", a SKT teve um começo de partida melhor , mas rapidamente caiu para a Misfits quando os europeus garantiram o Barão. Em seguida, já forte, a Misfits bobeou no mapa e ao tentar partir para cima da SKT acabou perdendo quatro jogadores, abrindo espaço para a volta dos sul coreanos. Rapidamente a SKT ganhou o poder que precisava para vencer e após garantir um Barão e o controle do jogo, passou por cima dos europeus e empatou a série.

O último e decisivo jogo da série foi mais cauteloso. Enquanto a SKT crescia com pequenos objetivos e bastante visão, a Misfits foi se garantindo nos Dragões iniciais, mas isso não foi o suficiente. Com paciência a SKT cravou sua vitória após roubar o Dragão ancião da Misfits. Com o 3 a 2, a tri campeã mundial garante uma vaga nas semifinais do Mundial.

No sábado (21), às 6h (horário de Brasília), a RNG joga contra a Fnatic.

Bia Coutinho é redatora no Versus e assistiu a esse jogo roendo as unhas. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
League of Legends
Mais notícias
LoL: Sneaky diz que planeja voltar a competir na LCS
League of Legends

LoL: Sneaky diz que planeja voltar a competir na LCS

O jogador anunciou pausa na carreira em janeiro deste ano
Matheus Oliveira
LoL: Team One e RED disputarão final do 2º split do Circuito Desafiante 2020
League of Legends

LoL: Team One e RED disputarão final do 2º split do Circuito Desafiante 2020

Grande final será em 15 de agosto, próximo sábado
Beatriz Coutinho
TIM Live renova patrocínio com paiN Gaming
Mercado

TIM Live renova patrocínio com paiN Gaming

A parceria engloba as line-ups de LoL, CS:GO e Valorant
Matheus de Lucca