Fortnite

Do interior de Illinois ao topo do mundo: A história de Ninja, o maior streamer da Twitch

Ex-jogador profissional percorreu um longo caminho para alcançar o sucesso
@felipe.cardoso
Felipe Cardoso
é reporter no Versus.
Foto: Reprodução/Ninja
Foto: Reprodução/Ninja

Tyler Blevins é o nome por trás do codinome Ninja, norte-americano de 26 anos que segue dominando a internet. Atualmente, ele lidera as redes sociais com mais de 150 milhões de interações mensais. O triunfo do influenciador é reconhecido internacionalmente, mas qual é a história do maior streamer do mundo? Neste perfil, o Versus desbravou o detalhes de sua carreira em busca dos elementos que o levaram ao sucesso.

Leia mais:

Ninja cresceu em uma cidade de apenas 20 mil habitantes chamada Grayslake, localizada no estado de Illinois, nos Estados Unidos, e seu amor por videogames começou cedo.

Influenciado por seu pai, Tyler iniciou sua jornada com um Sega Genesis, passando posteriormente pelo Super Nintendo, PlayStation 1 e, finalmente, chegou ao XBOX - onde conheceu a franquia que mudou completamente o rumo de sua vida: Halo.

Com apenas 10 anos de idade, Blevins jogava Halo: Combat Evolved com seus irmãos e, mesmo jovem, o jogador já demonstrava muita habilidade.

O influenciador entrou no mundo dos esportes eletrônicos em 2009 com Halo 3. Como pro player do título, ele representou organizações como Cloud9, Renegades, Team Liquid e Luminosity Gaming. Contudo, Ninja ganhou notoriedade apenas com Halo: Reach, jogo pelo qual disputou torneios por todo os Estados Unidos.

“Eu sempre quis ser o melhor, eu amo competir e eu sempre dei o melhor de mim. Se eu não estiver jogando bem, eu fico chateado…”, disse Tyler na série produzida pela Bud Light sobre seu envolvimento com os eSports.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Após conquistas e muito reconhecimento, o norte-americano quase viu sua carreira ir por água abaixo quando apresentou problemas em sua visão e precisou passar por uma cirurgia ocular. Felizmente, a operação foi um sucesso e, em 2017, Ninja optou por se ausentar do cenário competitivo de Halo para focar em sua vida pessoal e na sua carreira como streamer.

Por outro lado, Tyler ainda se aventurou no H1Z1 e no PlayerUnknown’s Battlegrounds, onde conquistou o H1Z1 Invitational 2015 e o PUBG Invitational at Gamescom em 2017 pela Luminosity Gaming.

Foto: Reprodução/ESL
Foto: Reprodução/ESL

Nesse período, Blevins já era um influenciador e sempre produzia conteúdo de H1Z1 e PUBG. Porém, o estopim para o seu sucesso veio com Fortnite - battle royale pelo qual se tornou um dos melhores jogadores do mundo e obteve um crescimento similar ao jogo do momento.

Um fato interessante, divulgado em entrevista à CNBC, é que no início de sua trajetória Ninja continuou se dedicando aos estudos e manteve seu emprego na Noodles & Company enquanto competia profissionalmente.

Atualmente, o influenciador possui o maior canal pessoal da Twitch, organiza eventos beneficentes e soma mais de 229 mil inscritos - totalizando aproximadamente US$ 800 mil mensais só pelo faturamento de inscrições.

Não há dúvidas que Ninja seja a sensação atual da internet, mas toda a trajetória percorrida, o esforço e a personalidade carismática colocam o ex-jogador profissional em um posto merecido.

Felipe Cardoso é analista do Versus. Siga-o no Twitter em @felpyyy.

Tags Relacionadas
Fortnite
Mais notícias
100 Thieves inaugura gaming office de R$146 milhões
Mercado

100 Thieves inaugura gaming office de R$146 milhões

Veja o tour completo pela instalação da organização
Matheus Oliveira
Fortnite: 5 dicas para jogar com controle no PC, PS4 e Xbox One
Fortnite

Fortnite: 5 dicas para jogar com controle no PC, PS4 e Xbox One

Uma nova maneira de ter a experiência do battle royale da Epic Games
Matheus Oliveira
Griezmann, jogador de futebol do Barcelona, anuncia sua própria organização de esports
Esports

Griezmann, jogador de futebol do Barcelona, anuncia sua própria organização de esports

Mais uma vez o mundo do esporte tradicional e do eletrônico se unem
Jairo Junior