Equipe brasileira segue invicta no torneio

A MIBR segue invicta nas finais da ESL Pro League Season 8 de Counter-Strike: Global Offensive. Depois de vencer a Sharks na sua estreia, hoje os brasileiros enfrentaram a NRG e emplacaram a sua segunda vitória na competição, por 2 a 1. Com dois vice-campeonatos quase seguidos para o Astralis em eventos anteriores, o time mostra evolução e grande vontade de conquistar seu primeiro troféu tier 1.

Leia mais:

O Confronto

A MIBR mostrou que entrou no duelo muito concentrada e com fome de vitória. Ainda no primeiro tempo da Inferno, os brasileiros começaram de Contra-Terrorista e aplicaram um grande domínio sobre seus adversários. O placar chegou a marcar 11 a 1, até que a NRG se recuperou parcialmente no fim e fez a troca de lados em 11 a 4.

De terrorista os brasileiros e norte-americanos também provaram que estavam preparados. Após perder o pistol e o anti-eco, eles voltaram a dominar o jogo e mantiveram assim até o fim. Gabriel "FalleN" Toledo iniciou  o ciclo da vitória jogando muito bem e Tarik "tarik" Celik resolvou a partida com quatro abates na última rodada. Placar final: 16 a 7.

A MIBR teve um grande início na Inferno, com as suas famosas entradas lentas. Em certo momento, o placar chegou a marcar 6 a 2 a favor do time brasileiro. No entanto, depois de insistir muito nas mesmas jogadas, a NRG finalmente conseguiu se arrumar para evitá-las e aplicou uma bela virada para 8 a 7.

Quando as funções se inverteram, a Made in Brazil se perdeu completamente. A equipe ficava muito acuada nos bombsites, jogou todo o half praticamente sem informações e sofreu muito para se defender. Principalmente na B, que caiu em todas as tentativas de Ethan "nahtE" Arnold e seus companheiros. No final, o grande domínio da NRG se transformou em uma vitória de 16 a 8 para eles.

O lado de CT da NRG na Mirage foi jogado de forma simples, porém muito inteligente. Ora eles avançavam pelas pontas, ora pelo meio, sempre limitando as opções do inimigo e adquirindo muita informação. A MIBR por outro lado, parecia perdida diante do setup dos seus rivais e não sabia o que fazer para lidar com eles. A equipe da América do Norte chegou a vencer por 9 a 3, mas a de Marcelo "coldzera" David se reencontrou com a vitória no fim, deixando o placar em 10 a 5.

Jogando de uma forma bem diferente, a MIBR passou a jogar mais junta e apostando no trabalho de equipe. Tudo vinha dando muito certo, até o empate de 12 a 12. Após isso a NRG acordou, encaixou entradas muito bem feitas, sempre com um costinha para incomodar seus inimigos e chegou ao décimo quinto ponto. Os brasileiros por sua vez, não desacreditaram e de forma melancólica chegaram ao empate de 15 a 15. Finalmente, no overtime, a Made in BR perdeu apenas a primeira rodada e depois foi absoluta para fechar em 19 a 16.

O que vem pela frente 

A segunda vitória em sequência do Made in Brazil lhes rendeu uma vaga na final upper da Fase de Grupos da ESL Pro League. Caso eles vençam nesta etapa, estarão automaticamente classificados para as semifinais dos playoffs, como primeiro colocado do Grupo B. Seu próximo oponente será o vencedor do confronto entre mousesports e Natus Vincere, nesta quinta-feira (6), às 16h40 (horário de Brasília).

Para saber mais sobre a competição e conferir informações importantes como escalações, resultados, horários e mais, não deixe de conferir o guia feito pelo Versus. Para assistir o campeonato ao vivo, basta acessar a página oficial da ESL Brasil no Facebook:


Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.  

Tags Relacionadas
CS:GOFPSCampeonato