CS:GO

CS:GO: MIBR vence Liquid de virada e garante vaga na ECS S7

A vitória colocou os brasileiros no torneio presencial
@Foxer_JJ
Jairo Junior
é reporter no Versus.
Foto: MIBR/Reprodução
Foto: MIBR/Reprodução

A MIBR está garantida no presencial da ECS Season 7 de Counter-Strike: Global Offensive. Os brasileiros enfrentaram a Team Liquid valendo a vaga e levaram a melhor por 2 a 1, de virada. O confronto aconteceu nesta sexta-feira (24).

Leia mais:

- As escalações

MIBR

  • Gabriel "FalleN" Toledo
  • Fernando "fer" Alvarenga
  • Marcelo "coldzera" David
  • Epitacio "TACO" de Melo
  • Joao "felps" Vasconcellos
  • Wilton "zews" Prado (treinador)

Team Liquid

  • Nicholas "nitr0" Cannella
  • Jonathan "EliGE" Jablonowski
  • Keith "NAF" Markovic
  • Russel Twistzz"" Van Dulken
  • Jake "Stewie2K" Yip
  • Eric "adreN" Hoag (treinador)
Foto: HLTV/Reprodução
Foto: HLTV/Reprodução

- O confronto

O primeiro mapa foi a Overpass, escolha da Liquid, que justificou dentro de jogo a sua opção. Na primeira rodada os norte-americanos começaram de Contra-Terrorista e dominaram o jogo completamente. Raros eram os momentos em que o Brasil conseguia o plant da c4. Ao fim da 15º rodada, o placar ilustrava bem o que vinha acontecendo: 12 a 3 a favor da TL.

Dando continuidade ao bom momento, Stewie2K e companhia chegaram rapidamente ao matchpoint e só perderam um round antes de finalizar a conta em 16 a 4.

Diferentemente do duelo anterior, quando os times se encontraram na Mirage, pela primeira vez houve equilíbrio na série. No final do primeiro half, os placares ficaram praticamente colados no 8 a 7 a favor da Team Liquid.

Na sequência os lados se inverteram, mas a equidade era a mesma. A troca de rodadas foi insana, mas a Made in Brazil foi superior no finalzinho e garantiu 16 a 13.

O terceiro e último mapa foi a Inferno e a MIBR voltou a performar bem. No lado de Terrorista, eles puniram com sucesso seus adversários e conseguiram a vantagem de 9 a 6. O placar podia ser ainda melhor se não fossem alguns erros pontuais do Brasil.

No lado defensivo, as kills de fer e as jogadas individuais de FalleN impactaram fortemente na partida, que já marcava 14 a 6 na contagem e pontos. Após isso, a TL fez um pequeno estrago, mas sucumbiu em dois belos lances de fer, novamente. Placar final: 16 a 11.

- O evento

A sétima temporada da ECS norte-americana chegou ao fim. A Made in Brazil é a última classificada para disputar as finais presenciais, que acontecem em Londres, Inglaterra, entre 6 e 9 de junho. Veja a lista completa dos participantes a seguir:

MIBR

FURIA

NRG

CompLexity

Astralis

North

Vitality

NiP

Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.

Mais notícias
CS:GO: FURIA contrata Gabi e Izaa para equipe feminina
CS:GO

CS:GO: FURIA contrata Gabi e Izaa para equipe feminina

Conforme apurado pelo Versus
Matheus de Lucca
CS:GO: Grupos e agenda do FLASHPOINT Global Qualifier são definidos
CS:GO

CS:GO: Grupos e agenda do FLASHPOINT Global Qualifier são definidos

DETONA e Redemption são os representantes brasileiros
Jairo Junior
CS:GO: Jogadores com alto fator de confiança podem denunciar hackers por e-mail
CS:GO

CS:GO: Jogadores com alto fator de confiança podem denunciar hackers por e-mail

Atualizações recentes ofereceram novas opções de reports a possíveis hackers
Jairo Junior