CS:GO

CS:GO: MIBR perde para Team Liquid e dá adeus à IEM Sydney 2019

Brasileiros ficaram na 3º/4º colocação e faturaram US$ 20 mil
@foxer_jj
Jairo Junior
escreve para o Versus.
Foto: HLTV/Reprodução
Foto: HLTV/Reprodução

A MIBR está eliminada da Intel Extreme Masters Sydney 2019 de Counter-Strike: Global Offensive. A equipe enfrentou a Team Liquid na semifinal do torneio e foi derrotada por 2 a 0. Com isso, os brasileiros ficam na 3º/4º colocação e levam para casa US$ 20 mil. Os norte-americanos, por outro lado, aguardam pelo seu próximo adversário, que sairá do confronto entre NRG e fnatic.

Leia mais:


As escalações

MIBR

  • Gabriel "FalleN" Toledo
  • Fernando "fer" Alvarenga
  • Marcelo "coldzera" David
  • Epitacio "TACO" de Melo
  • Joao "felps" Vasconcellos
  • Wilton "zews" Prado (treinador)



Team Liquid

  • Nicholas "nitr0" Cannella
  • Jonathan "EliGE" Jablonowski
  • Keith "NAF" Markovic
  • Russel Twistzz"" Van Dulken
  • Jake "Stewie2K" Yip
  • Eric "adreN" Hoag (treinador)
Foto: ESL/Reprodução
Foto: ESL/Reprodução

O confronto

Mirage

O primeiro mapa da série foi a Mirage, escolha da MIBR que começou bem de terrorista vencendo por 3 a 0. No entanto, nos armados a Team Liquid mostrou que não estava para brincadeira, se postou bem nas defesas e em momentos chave dos rounds e aplicou seis pontos seguidos nos seus adversários. Por fim, a partida se equilibrou um pouco mais no fim da metade e ainda assim os norte-americanos garantiram a vantagem de 9 a 6.

Parafraseando Thanos, o titã louco da Marvel, a Liquid se tornou "inevitável" na segunda etapa. De maneira surpreendente e com muitos rushs rápidos especialmente no bombsite A, o time disparou de vez no placar e rapidamente chegou ao map point de 15 a 7. Depois disso, a Made in Brazil foi capaz de resistir por três rounds até sucumbir em uma aposta certeira da TL na B. Placar final: 16 a 10.

Nuke

Embalados pela vitória no mapa anterior, a Team Liquid realizou um ótimo início de terrorista na Nuke e chegou a vencer por 5 a 0. Após isso, o Brasil impôs ordem no jogo e aplicou uma reviravolta para 9 a 6, com retakes cirúrgicos e defesas muito bem preparadas principalmente no bombsite B.

Com um atropelo no pistol, FalleN e companhia abriram caminho e se distanciaram ainda mais no placar que marcava 12 a 6. Entretanto, bastou a TL se armar para que o time dos Estados Unidos se recuperasse rodada a rodada e chegasse ao empate de 12 a 12. Quando escolheu pausar, a MIBR retornou com uma proposta diferente e enfim se reencontrou com a vitória, chegando ao overtime no 15 a 15.

Apesar de toda a luta brasileira, a Team Liquid foi absoluta na prorrogação, fez 3 a 0 de CT e concluiu o 4 a 0 de TR, totalizando 19 a 15.

O evento

A IEM de CS:GO acontece na própria cidade que dá nome ao evento, na Austrália, entre 30 de abril e 5 de maio. Dezesseis times entraram na disputa do título e da maior parte da premiação total de US$ 250 mil.

O campeonato continua nesta manhã, agora no confronto entre NRG e fnatic, que decidirá o segundo e último finalista da IEM. Já a final está marcada para este domingo (5), às 2h. Saiba mais sobre a competição no guia do Versus e assista aos jogos ao vivo em:


Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.

Mais notícias
CS:GO: F4stzin é o novo jogador da Vivo Keyd
CS:GO

CS:GO: F4stzin é o novo jogador da Vivo Keyd

Jogador estava no banco de reservas da paiN Gaming
Jairo Junior
CS:GO: Sheviii2k anuncia line-up completa da sua equipe, 2K Team
CS:GO

CS:GO: Sheviii2k anuncia line-up completa da sua equipe, 2K Team

Em entrevista ao Versus ele confirmou que será jogador e dono do time
Jairo Junior
CS:GO: Atualização traz novas skins, faca do CS 1.6 e nova Cache oficialmente
CS:GO

CS:GO: Atualização traz novas skins, faca do CS 1.6 e nova Cache oficialmente

A nova coleção de skins é em homenagem aos 20 anos de Counter-Strike
Jairo Junior