CS:GO

CS:GO: MIBR estreia ESL Pro League S9 com derrota para mousesports

Brasileiros foram para tabela lower e não podem mais perder
@foxer_jj
Jairo Junior
escreve para o Versus.
Foto: HLTV/Reprodução
Foto: HLTV/Reprodução

A MIBR fez a sua estreia pela etapa mundial da ESL Pro League Season 9 de Counter-Strike: Global Offensive. O jogo de abertura da equipe aconteceu no mapa Inferno, contra a mousesports e terminou em vitória europeia por 16 a 8. Com esta derrota, os brasileiros ainda não se despedem da competição, mas vão para tabela lower e não podem mais perder.

Leia mais:


As escalações

MIBR

  • Gabriel "FalleN" Toledo
  • Fernando "fer" Alvarenga
  • Marcelo "coldzera" David
  • Epitacio "TACO" de Melo
  • Joao "felps" Vasconcellos
  • Wilton "zews" Prado (treinador)


Mousesports

  • Chris "chrisJ" de Jong
  • Robin "ropz" Kool
  • Finn "karrigan" Andersen
  • Özgür "woxic" Eker
  • David "frozen" Čerňanský
  • Allan "Rejin" Petersen


O confronto

Foto: Valve/Reprodução
Foto: Valve/Reprodução

O mapa escolhido para o confronto entre MIBR e mousesports foi a Inferno. Os brasileiros tiveram um bom começo de terrorista, mostraram eficiência nas trocas de eliminação e até algumas coisas novas para encaixar 6 a 2 no placar. Na sequência, os europeus que vinham jogando recuados mudaram sua forma de atuar, passaram a avançar pontualmente para surpreender, tiveram diversas tomadas de decisão perfeitas e conseguiram a virada inesperada para 9 a 6.

No segundo tempo a Mouz deu continuidade ao bom momento que vivia na partida, se aproveitou da fragilidade da Made in Brazil de contra-terrorista no mapa e emplacou quatro pontos seguidos para se distanciar ainda mais no placar que já estava em 13 a 6. Após isso, o Brasil ainda foi capaz de sobreviver por dois rounds, mas sucumbiu logo em seguida em uma entrada no bombsite A e outra no B. Placar final: 16 a 8 para a mousesports.

O campeonato

A ESL Pro League Season 9 de CS:GO acontece entre 18 e 23 de junho, em Montpellier, França. Por lá, 16 equipes no total - sendo MIBR, Luminosity Gaming e DETONA Gaming as representantes brasileiras - lutam pelo título e pela maior parte da premiação de US$ 600 mil, aproximadamente R$ 2,3 milhões.

Saiba tudo sobre a competição no guia do Versus e assista ao vivo em:

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.

Mais notícias
CS:GO: Furia perde para Sprout e é eliminada da Games Clash Masters 2019
CS:GO

CS:GO: Furia perde para Sprout e é eliminada da Games Clash Masters 2019

Brasileiros deixam a competição no 3º/4º lugar com US$ 10 mil
Beatriz Coutinho
CS:GO: Rework do mapa Cache faz referência ao Café Pripyat de Chernobyl
CS:GO

CS:GO: Rework do mapa Cache faz referência ao Café Pripyat de Chernobyl

Mapa poderá ser testado durante a ESL One New York
Helena Nogueira
CS:GO: FURIA vence BIG novamente e está na semifinal do Games Clash Masters 2019
CS:GO

CS:GO: FURIA vence BIG novamente e está na semifinal do Games Clash Masters 2019

Equipe brasileira fez campanha de duas vitórias e uma derrota na primeira fase do torneio
Lucas Hagui