CS:GO

CS:GO: MIBR estreia ESL One Cologne 2019 com derrota para Fnatic

O Brasil ainda não conseguiu nenhuma vitória no torneio
@Foxer_JJ
Escrito por
Jairo Junior
Foto: HLTV/Reprodução
Foto: HLTV/Reprodução

A MIBR acaba de estrear sua nova line-up na ESL One Cologne 2019 de Counter-Strike: Global Offensive. A equipe enfrentou a Fnatic no mapa Inferno e perdeu a partida por 16 a 11. O confronto aconteceu nesta terça-feira (2).

Leia mais:

As line-ups

MIBR

  • Gabriel "FalleN" Toledo
  • Fernando "fer" Alvarenga
  • Marcelo "coldzera" David
  • Epitacio "TACO" de Melo
  • Joao "felps" Vasconcellos
  • Wilton "zews" Prado (treinador)

Fnatic

  • Freddy "KRIMZ" Johansson
  • Jesper "JW" Wecksell
  • Richard "Xizt" Landström
  • Simon "twist" Eliasso
  • Ludvig "Brollan" Brolin
  • Jimmy "Jumpy" Berndtsson (treinador)
Foto: HLTV/Reprodução
Foto: HLTV/Reprodução

O confronto

O mapa definido para o duelo entre Made in Brazil e Fnatic foi a Inferno. Por lá, os brasileiros iniciaram de contra-terrorista vencendo o pistol e o anti-eco, mas foram completamente dominados nos armados. O time sueco sabia exatamente como ler seus adversários, começavam todas as rodadas em vantagem com bombas certeiras e não deram a mínima chance de uma possível reviravolta. Na última rodada do primeiro tempo, o Brasil teve mais uma entrada no bombsite B frustrada e sofreu a derrota parcial de 12 a 3.

Apesar da troca de lados, a segunda metade foi bem semelhante a anterior. Mais uma vez, a MIBR levou a melhor no pistol e na rodada seguinte, mas sentiu dificuldade de lidar com seus oponentes nos armados. A Fnatic trabalhou com calma, mostrou bom trabalho de granadas também de terrorista e conseguiu emplacar boas rotações pelo mapa, chegando ao matchpoint de 15 a 6. Após isso, os brasileiros enfim foram capazes de aplicar certa resistência, fizeram um estrago financeiro na economia da Suécia, mas foram desestabilizados em uma entrada no bombsite A, a qual pôs o fim de 16 a 11 no embate.

O campeonato

A ESL One Cologne 2019 de CS:GO acontece na Alemanha, entre 2 e 7 de julho. O torneio conta com premiação de US$ 300 mil (R$ 1,1 milhão) e 16 equipes na disputa. FURIA e a MIBR são as representantes do Brasil.

Mesmo perdendo, a MIBR continua viva no campeonato. Seus próximo jogo será na quarta-feira (3) e a equipe precisa vencê-lo de qualquer maneira. Assista tudo isso ao vivo em:

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.

Mais notícias
DreamHack adia eventos presenciais para 2021
DreamHack

DreamHack adia eventos presenciais para 2021

Alguns torneios continuarão sendo realizados online
Beatriz Coutinho
CS:GO: Soberano anuncia contratação de line-up ex-INTZ
CS:GO

CS:GO: Soberano anuncia contratação de line-up ex-INTZ

Naper, Santininha, Ninha, Regiane e Gabee estão de casa nova
Beatriz Coutinho
CS:GO: Felps deixa MIBR oficialmente ao ser comprado pela BOOM
CS:GO

CS:GO: Felps deixa MIBR oficialmente ao ser comprado pela BOOM

Pro player jogava pela BOOM por meio de um empréstimo
Beatriz Coutinho