CS:GO

CS:GO: MIBR estreia BLAST Pro Series Moscow contra Na'Vi; veja agenda completa

Campeonato acontece entre 13 e 14 de setembro
@foxer_jj
Jairo Junior
escreve para o Versus.
Foto: BLAST Pro Series/Reprodução
Foto: BLAST Pro Series/Reprodução

A agenda da BLAST Pro Series Moscow 2019 de Counter-Strike: Global Offensive está definida. A MIBR será a representante brasileira na competição e estreia contra a Natus Vincere. As novas informações foram reveladas nesta quinta-feira (15).


Leia mais:


O torneio acontece na Rússia, em Moscou, e terá uma duração de apenas dois dias: 13 e 14 de setembro. Seis equipes disputarão entre si o título e a maior parte da premiação de US$ 250 mil - aproximadamente R$ 1 milhão.

Confira a agenda completa da BLAST Pro Series Moscow 2019 abaixo no horário de Brasília:


13 de setembro

8h15
: forZe vs AVANGAR - MD3 (decisão da última vaga)

14h45: ENCE vs Vitality - MD1

14h45: NiP vs ? - MD1

14h45: Natus Vincere vs MIBR - MD1

16h15: NiP vs MIBR - MD1

16h15: Vitality vs ? - MD1

16h15: Natus Vincere vs ENCE - MD1

14 de setembro

7h30
: Natus Vincere vs ? - MD1

7h30: ENCE vs MIBR - MD1

7h30: Vitality vs NiP - MD1

8h50: Natus Vincere vs Vitality - MD1

8h50: MIBR vs ? - MD1

8h50: NiP vs ENCE - MD1

10h10: Vitality vs MIBR - MD1

10h10: ENCE vs ? - MD1

10h10: Natus Vincere vs NiP - MD1

11h30: BLAST Pro Series Stand-off

12h30: Grand final - MD3

A BLAST Pro Series Moscow é um dos últimos eventos da organizadora no ano. Além dele, a RFRSH Entertainment tem apenas mais dois marcados - Copenhagen 2019 e Global Final - completando sete em apenas um ano competitivo.

Siga o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Mais notícias
CS:GO: FaZe Clan é convidada para disputar a IEM Beijing 2019
CS:GO

CS:GO: FaZe Clan é convidada para disputar a IEM Beijing 2019

Campeonato já conta com cinco equipes confirmadas
Helena Nogueira
CS:GO: Valve discorda de torneios que pedem exclusividade das equipes
CS:GO

CS:GO: Valve discorda de torneios que pedem exclusividade das equipes

A empresa também falou sobre os direitos de transmissão do Major
Helena Nogueira
Jogadoras denunciam machismo e transfobia no GirlGamer Festival; BBL responde
CS:GO

Jogadoras denunciam machismo e transfobia no GirlGamer Festival; BBL responde

Regras abusivas impediram a participação de mulheres trans e foi exigido uso do PlaysTV
Lucas Hagui