CS:GO

CS:GO: "A Pain é top 1 do Brasil em lan", diz PKL

Capitão campeão da GC Masters falou sobre título, momento do time e mais
@foxer_jj
Jairo Junior
escreve para o Versus.
Foto: Gamers Club/Felipe Guerra
Foto: Gamers Club/Felipe Guerra

A paiN Gaming conquistou o título da Gamers Club Masters 3 após vencer a final contra a DETONA Gaming por 2 a 1. O jogador e campeão Vinícios "PKL" Coelho se sagrou MVP do torneio de Counter-Strike: Global Offensive e conversou com o Versus sobre o triunfo, sua atuação nos confrontos e também sobre a atual posição da equipe no cenário nacional.

Leia mais:


Apesar do ótimo resultado para a paiN no final do campeonato, o começo da trajetória do time na competição não foi nada animador. Antes mesmo de chegar ao presencial, a line-up passava por certa desconfiança da comunidade brasileira. A DETONA e a W7M eram as favoritas ao título, enquanto PKL e cia ainda precisavam provar o valor da nova escalação.

Nos primeiros dois confrontos pelo Grupo A, a PNG estreou com derrota de 16 a 11 para a DETONA e, logo depois, de 16 a 14 para a Team Reapers. PKL admite que nada parecia dar certo no primeiro dia: "O time começou muito devagar e perdeu todos os pistols praticamente. Tudo isso fez a confiança da equipe cair e a comunicação começou a falhar".

Foi a partir do confronto melhor de três decisivo que a paiN se mostrou outra equipe na GC Masters. Curiosamente, PKL deu os créditos desta mudança brusca aos seus adversários: "É engraçado dizer isso, mas agradeço aos Reapers. Na MD3 eles gritaram tanto que acabaram deixando todo o time mordido - principalmente eu. No último mapa eu só pensava em vencer e nada mais. Foi naquele momento que nosso sangue ferveu. Mudamos de postura na raiva mesmo, pra melhor".

O título da paiN Gaming mostrou o quão equilibrado está o cenário de CS brasileiro no momento. Antes deles, a W7M Gaming foi campeã da LA League Season 4, a DETONA disputou a ESL Pro League Season 9 internacionalmente e a Team Reapers conseguiu a primeira colocação da Liga Pro Gamers Club de junho.

Quando questionado sobre qual é a melhor equipe de CS da atualidade no Brasil, PKL explicou que "online tudo é diferente e ainda é uma bagunça. Há muitos jogadores que só conseguem ir bem lá [na internet]". No entanto, após vencer o 'Major Brasileiro', ele cravou que "a Pain é top 1 do Brasil em lan".

Além de bicampeão da GC Masters - PKL também conquistou o título em 2018 pela Team Wild - o capitão da paiN foi considerado o melhor jogador do campeonato. O pro player não só atua bem regularmente, como também se mostra importante quando seus companheiros mais precisam.

Foto: Gamers Club/Felipe Guerra
Foto: Gamers Club/Felipe Guerra

Ao Versus, PKL contou que quando foi escolhido como MVP, logo lembrou de um momento do passado: "Na GC Masters anterior joguei muito bem durante todo o torneio, mas na final fui o pior de todos e minha equipe jogou muito bem. Naquela ocasião, apesar do título, fiquei chateado comigo mesmo por não ter conseguido jogar da mesma maneira que antes".

"Hoje [na final da GC Masters] minha cabeça estava muito bem e cheguei pronto para me superar em 150% se fosse preciso", finaliza PKL.

A GC Masters de CS:GO aconteceu entre 27 e 30 junho, em Sorocaba, São Paulo, na sede da própria Gamers Club. Por lá, seis equipes - paiN, DETONA, Reapers, Vivo Keyd, W7M e INTZ Academy - disputaram o título e a maior parte da premiação de R$ 60 mil. A PNG foi a campeã e faturou R$ 30 mil.


Para saber mais sobre a GC Masters, confira nosso guia e não se esqueça de seguir o Versus nas redes sociais para mais notícias - Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Jairo "Foxer" Junior é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @Foxer_JJ.

Mais notícias
Guia Starseries S8 de CS:GO: Times, transmissão, agenda e mais
CS:GO

Guia Starseries S8 de CS:GO: Times, transmissão, agenda e mais

Saiba quando MIBR, FURIA e Imperial jogam
Matheus Oliveira
Tudo sobre o Projeto A, novo FPS da Riot Games
League of Legends

Tudo sobre o Projeto A, novo FPS da Riot Games

Os mundos de CS:GO e Overwatch unidos da melhor forma possível
Matheus Oliveira
CS:GO: Skullz retorna à equipe titular da W7M Gaming
CS:GO

CS:GO: Skullz retorna à equipe titular da W7M Gaming

Jogador que foi emprestado a Luminosity retornou ao time de origem após o fim da line-up brasileira nos Estados Unidos
Matheus Oliveira