CS:GO

Conheça a Silver Snipers, equipe de vovôs e vovós de CS:GO

Se não for para ser assim, a gente nem envelhece
@thais.stagni
Thais Stagni
escreve para o Versus.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Quando o assunto é o público que joga videogame, é comum que as pessoas pensem em pro player jovens que ganham muito dinheiro em torneios internacionais. Mas a verdade é que a comunidade atualmente é tão grande que até mesmo vovôs e vovós aposentados gostam de matar terroristas e plantar bombas C4 em CS:GO.

Leia mais sobre Counter-Strike: Global Offensive

Conheça então o caso dos Silver Snipers, um time sueco de idosos de cerca de 71 anos que sonham em ganhar a DreamHack Winter 2017 de CS:GO. Determinados, os vovôs e vovós contrataram o técnico Tommy ‘Potti’ Ingermarsson, ex-pro player da Ninjas in Pyjamas, para treiná-los.

A mais jovem da equipe é Monica ‘Teen Slayer’ Idenfors, de 62 anos, que tem 69 horas de jogo - o maior número da equipe. O mais velho é Bertil ‘Berra-Bang’ Englund, que tem 81 anos, 55 horas jogadas de CS:GO e 0.55 de K/D/A, de acordo com o Dexerto.

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A DreamHack Winter 2017 vai acontecer na Suécia a partir de 1º de dezembro.

Você também está torcendo pelos vovôs e vovôs do CS:GO? Conte na sessão de comentários.


Thaís Stagni é redatora do Versus. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
CS:GOComunidade
Mais notícias
Tudo sobre o Projeto A, novo FPS da Riot Games
League of Legends

Tudo sobre o Projeto A, novo FPS da Riot Games

Os mundos de CS:GO e Overwatch unidos da melhor forma possível
Matheus Oliveira
CS:GO: Skullz retorna à equipe titular da W7M Gaming
CS:GO

CS:GO: Skullz retorna à equipe titular da W7M Gaming

Jogador que foi emprestado a Luminosity retornou ao time de origem após o fim da line-up brasileira nos Estados Unidos
Matheus Oliveira
CS:GO: Lowkey Esports Brazil anuncia nova equipe com Spydaemon, demo e mais
CS:GO

CS:GO: Lowkey Esports Brazil anuncia nova equipe com Spydaemon, demo e mais

Line-up estava procurando uma nova organização há meses
Matheus Oliveira