Hearthstone

Confira todas as informações sobre o mundial de Hearthstone

KingVenom conta tudo o que você precisa saber para o principal campeonato do game de cartas!
@felipe.cardoso
Felipe Cardoso
é reporter no Versus.
© Reprodução/Blizzard
© Reprodução/Blizzard

Saudações a todos! KingVenom está de volta trazendo mais informações sobre Hearthstone - desta vez, sobre o campeonato mundial!

O Hearthstone World Championship será realizado em Amsterdam, na Holanda, nos dias 18 a 21 com uma premiação total de US$ 1 milhão. Os 16 melhor jogadores atuais do cenário serão divididos em quatro grupos e irão duelar para decidir quem será o grande campeão.

A competição será no formato Conquista de eliminação dupla, porém quando restarem apenas oito no torneio, o formato muda para Conquista de eliminação simples.

Cada jogador terá direito de banir uma classe do seu oponente a cada série de partidas.

Fase de grupos. Foto: Reprodução
Fase de grupos. Foto: Reprodução

Os jogadores classificados são a mais alta nata do cenário competitivo atual. Com apenas 16 participantes, é difícil ter espaço para todos - como o campeão de 2016, Pavel, que ficou de fora neste ano!

O campeonato conta com listas abertas, então todos os jogadores já sabem o que seus oponentes estarão trazendo e o que vão enfrentar. Abaixo podemos conferir a distribuição de classes:

Classes selecionadas no torneio. Foto: Reprodução
Classes selecionadas no torneio. Foto: Reprodução

Pelo gráfico, podemos perceber que as classes dominantes são Druida, Bruxo, Ladino e Sacerdote - este último sendo escolhido por 100% dos competidores em suas composições.

Também é importante destacar a ausência completa de Guerreiros e Xamãs do campeonato.

Cartas lendárias mais utilizadas. Montagem: KingVenom
Cartas lendárias mais utilizadas. Montagem: KingVenom

Acima, temos as cartas lendárias mais utilizadas pelos jogadores. Percebemos um claro destaque para a classe de Sacerdote, que possui 5 das 8 lendárias que mais aparecem no torneio: Thalnos, Anduin, Raza, Kazakus e Velen.

Keleseth e Patches aparecem mais nos decks com kit pirata ou tempo, que também representam uma grande parcela do meta nas classes de Ladino e Druida.

Além disso, temos também o Gul’dan, que é uma peça indispensável para aqueles que trouxeram a classe de Bruxo.

Cartas raras e épicas mais usadas. Montagem: KingVenom
Cartas raras e épicas mais usadas. Montagem: KingVenom

Quanto às épicas e raras mais utilizadas, vemos que o Bruxo é a classe dominante, com pelo menos 4 cartas sendo ícones em seus decks. Entretanto, o verdadeiro destaque é para o Rastejante do Corredor - carta que chegou na expansão nova, Kobolds e Catacumbas, e é tão forte que moldou o meta ao seu redor, estando em primeiro lugar das épicas que mais aparecem.

Nas cartas raras, vemos que a Golakka ainda continua firme como uma boa resposta aos decks que utilizam o kit pirata.

O campeonato mundial de Hearthstone está chegando, você está preparado? Para quem você vai torcer? Haverá transmissão em português, começando dia 18 às 5h30min da manhã (de quinta a sábado), e domingo às 9h.

A transmissão oficial pode ser encontrada no seguinte link: twitch.tv/copaamerica_pt1.

KingVenom é um streamer e caster de Hearthstone que já alcançou o rank lendário multiplas vezes. Siga-o no Twitter @kingvenomstream.

Tags Relacionadas
HearthstoneGuias
Mais notícias
Indicados ao Prêmio eSports Brasil 2019 são revelados; votação está aberta
Esports

Indicados ao Prêmio eSports Brasil 2019 são revelados; votação está aberta

Usuários poderão eleger seus escolhidos até 19 de novembro
Matheus de Lucca
"Aquilo não foi uma desculpa", diz manifestante pró-Hong Kong sobre abertura da BlizzCon 2019
Blizzard

"Aquilo não foi uma desculpa", diz manifestante pró-Hong Kong sobre abertura da BlizzCon 2019

Participantes do movimento relatam suas visões da situação
Matheus de Lucca
BlizzCon 2019: Os campeões da Copa do Mundo de Overwatch, Hearthstone e mais
Esports

BlizzCon 2019: Os campeões da Copa do Mundo de Overwatch, Hearthstone e mais

Confira os resultados dos campeonatos mundiais disputados neste fim de semana
Matheus de Lucca