Esports

CLG realiza parceria com organização em prol da saúde mental

A ideia é prezar pelo bem estar dos jogadores
@lucas.hagui
Escrito por
Lucas Hagui
Imagem: Reprodução/CLG
Imagem: Reprodução/CLG

A Counter Logic Gaming (CLG), organização norte-americana de esports, anunciou uma parceria com a National Alliance on Mental Illness (NAMI), grupo que trabalhará com a equipe em busca de melhorar a saúde mental da indústria de jogos e esports.

Leia mais:

A parceria inicialmente será em um projeto de arrecadação da CLG e NAMI, que partirá das vendas de camisetas "NAMI x CLG" no início do Mês da Conscientização sobre Saúde Mental, que acontece em maio.

"O trabalho com a NAMI no campo de conscientização da saúde mental é incrivelmente impactante e nós acreditamos que a comunidade gamer pode se beneficiar de seus esforços para melhorar as vidas de quem sofre com essas desordens", disse o diretor de operações da CLG Nick Allen sobre os benefícios dessa parceria.

Para complementar, Mary Giliberti, CEO da NAMI, comentou que aproximadamente 50 milhões de americanos são afetados por alguma doença mental e que muitos encontram estigmas ou barreiras invisíveis de aceitação para o tratamento. E é justamente isso que eles buscam mudar.

Atitudes como essas são importantes na comunidade, principalmente quando se trata de esports, em que a exaustão mental é maior e o apoio de um psicólogo e mind coach são imprescindíveis para trabalhar melhor o potencial dos jogadores profissionais.

Lucas Takashi é redator do Versus. Siga-o no Twitter em @IugahTK.

Mais notícias
Herman Miller e Logitech lançam cadeira gamer de R$ 10,7 mil
Mercado

Herman Miller e Logitech lançam cadeira gamer de R$ 10,7 mil

Com foco na ergonomia, produto já pode ser comprado no Brasil
Beatriz Coutinho
Filha do dono da Garena e mais: 10 memes brasileiros dos esports
Esports

Filha do dono da Garena e mais: 10 memes brasileiros dos esports

Saiba a origem de memes como brTT preso, Qué Ota e mais
Beatriz Coutinho
Pesquisa compara lucratividade entre indústrias dos jogos e cinema
Esports

Pesquisa compara lucratividade entre indústrias dos jogos e cinema

Tendências como atores participando de games também estão aumentando
Beatriz Coutinho