CS:GO

Brasileiros da SK são os mais bem pagos do mundo em premiações

É do Brasil!
@thais.stagni
Thais Stagni
escreve para o Versus.
© Reprodução
© Reprodução

Os pro players brasileiros de Counter-Strike: Global Offensive da SK Gaming são os jogadores mais bem pagos do mundo em relação aos prêmios em dinheiro recebidos dos campeonatos.

Gabriel “FalleN” Toledo, Fernando “fer” Alvarenga, Marcelo “coldzera” David e Epitácio “TACO” Pessoa conquistaram esses valores graças às competições milionárias de CS:GO que participaram.

Em primeiro lugar em todo o globo está Fallen, que de acordo com o site eSports Earnings, já ganhou mais de US$ 584 mil apenas em premiações de torneios. Na conversão atual de Real para Dólar, isso daria aproximadamente R$ 1,8 milhão!

Logo depois temos fer, com US$ 582 mil, coldzera - eleito pelo The Game Awards 2016 como o melhor jogador do mundo - com US$ 573 mil e TACO com US$ 563 mil, respectivamente.

Vale lembrar que esses números são apenas a quantia recebida pelos brasileiros em premiações de campeonatos oficiais, sem levar em conta o desconto que eles recebem de taxas.

Mesmo assim, em entrevista, coldzera já admitiu que, apesar dos valores não serem exatos, eles chegam próximo ao que eles realmente receberam nos torneios - isso sem contar o salário mensal, dinheiro recebido de campanhas publicitárias e outros tipos de ganhos que não estão listados.


Thaís Stagni é redatora do Versus. Siga-a no Twitter.

Tags Relacionadas
CS:GO
Mais notícias
Guia Starseries S8 de CS:GO: Times, transmissão, agenda e mais
CS:GO

Guia Starseries S8 de CS:GO: Times, transmissão, agenda e mais

Saiba quando MIBR, FURIA e Imperial jogam
Matheus Oliveira
Tudo sobre o Projeto A, novo FPS da Riot Games
League of Legends

Tudo sobre o Projeto A, novo FPS da Riot Games

Os mundos de CS:GO e Overwatch unidos da melhor forma possível
Matheus Oliveira
CS:GO: Skullz retorna à equipe titular da W7M Gaming
CS:GO

CS:GO: Skullz retorna à equipe titular da W7M Gaming

Jogador que foi emprestado a Luminosity retornou ao time de origem após o fim da line-up brasileira nos Estados Unidos
Matheus Oliveira